Caos no trânsito, eleições e bom momento para o transporte

Portal Transporta Brasil destaca a entrevista com dez candidatos à prefeitura de São Paulo e as propostas dos candidatos à prefeitura de Guarulhos

Brasil se torna foco das montadoras chinesas
Viadutos de acesso à BR-040 em MG entram na última etapa das obras
Obrigatoriedade do uso de extintor ABC será adiada por mais 30 dias

Nesta semana, no Portal Transporta Brasil, alguns assuntos relacionados à mobilidade urbana e ao caótico trânsito da cidade de São Paulo estiveram em destaque. Com a proximidade das eleições para prefeito e vereadores, o transporte está em debate e os candidatos fazem suas propostas para melhorar ou pelo menor amenizar os problemas com a falta de mobilidade nas grandes cidades.

Na semana passada, a reportagem do Portal esteve em um evento na cidade de Guarulhos, um dos mais importantes pólos logísticos do Brasil, e acompanhou um debate com os candidatos à prefeitura da maior cidade não-capital do País. Em pauta, dentre outros assuntos, também estiveram o transporte de cargas e a infra-estrutura do transporte.

Guarulhos é uma cidade com grande vocação para a logística, cortada por três das mais importantes rodovias do País, mas ainda sofre com a falta de fluidez no trânsito e a falta de organização no viário público. Oito candidatos à prefeitura da cidade deram suas idéias para melhorar este cenário.

Na Capital, o clima das eleições começa a esquentar e o Portal Transporta Brasil preparou uma sabatina com dez candidatos a prefeito da Metrópole, reportagem que é destaque na página principal do site nesta semana. Pedágio urbano, restrições aos caminhões, obras, frota pirata e centros de distribuição logística foram os temas abordados. Acompanhe a visão de cada candidato e saiba suas propostas para São Paulo.

No campo do trânsito, o noticiário mostrou que entram na cidade de São Paulo cerca de 900 caminhões por mês e que a morosidade do tráfego na cidade gera pelo menos R$ 33 bilhões de prejuízo por ano.

No transporte aéreo de passageiros, a Azul, a mais nova companhia aérea do Brasil, prepara-se para alçar vôo, enquanto a Gol apresenta novidades na compra de passagens e a TAM recebe sua primeira aeronave Boeing.

Nas empresas de transporte e de logística, tudo azul: a Tegma reverteu o prejuízo e lucrou R$ 15,2 milhões no segundo trimestre do ano, enquanto o Expresso Mirassol investe mais de R$ 30 milhões em ampliação e renovação de frota. A Volvo anuncia um turno extra para aumentar a produção de caminhões em sua fábrica no Paraná e a Honda automóveis também aponta aumento na produção de veículos.

Leonardo Helou Doca de Andrade
Editor-Chefe

COMMENTS