Trecho de rodovia do Norte Pioneiro vai ser concluída no começo de 2009

O segmento, que corresponde a 19 quilômetros entre Jaguariaíva e Arapoti, recebe investimentos de R$ 11,2 milhões

Embraer já treina pilotos, comissárias e técnicos da Azul
Carne de SC volta a ser do tipo exportação
TAM vê vôo doméstico e alta redução em 09

A primeira etapa da recuperação da rodovia que liga Jaguariaíva a Wenceslau Braz (PR-092), no Norte Pioneiro, será concluída, no início de 2009. O segmento, que corresponde a 19 quilômetros entre Jaguariaíva e Arapoti, recebe investimentos de R$ 11,2 milhões.

Segundo informações do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), pouco mais de 80% da via já receberam intervenções e 23% estão com a capa asfáltica pronta. “Esperamos finalizar tudo ainda nos primeiros meses do próximo ano”, afirmou o secretário para Assuntos Rodoviários, Rogério W. Tizzot.

A recuperação marca a realização de uma das mais importantes reivindicações do setor produtivo local e de todo o Estado. A PR-092 é uma das principais ligações viárias do Paraná, passando pelo Norte e Norte Pioneiro chegando até a Região Metropolitana de Curitiba.

De acordo com o secretário, está previsto o início da licitação para a recuperação dos 34 quilômetros restantes da estrada, partindo de Arapoti até Wenceslau Braz. “Vamos garantir a recuperação de toda a extensão dos 53 quilômetros da PR-092 de Wenceslau Braz a Jaguariaíva, até 2010”. O total de investimentos na segunda etapa deve chegar a R$ 30 milhões.

INVESTIMENTOS – As obras entre Wenceslau Braz e Jaguariaíva fazem parte de um processo de completa restauração da PR-092 que vem ocorrendo desde 2003. “Todo o trecho pavimentado recebe obras de recuperação e melhorias. Esta nova obra vem para completar um trabalho que se iniciou na divisa com São Paulo no extremo Norte do Estado”, ressaltou Tizzot.

Recentemente foram concluídas intervenções entre Andirá e Porto Leopoldino, na divisa com São Paulo, além dos trabalhos entre Andirá e Santo Antônio da Platina, de Santo Antônio da Platina a Quatiguá e de Quatiguá até Wenceslau Braz, passando por Siqueira Campos.

“É uma rodovia-tronco e que tem um papel fundamental, não apenas no transporte da produção local, mas também recebendo as cargas vindas de São Paulo em direção ao Porto de Paranaguá. Estamos renovando a via completamente”, explicou Tizzot.

Link para a matéria

COMMENTS