Exportações de soja e milho pelos portos do Arco Norte crescem quase 54% em 2015

Navegação Aliança conclui navio em 2010
Rolls-Royce entrega navio para pesquisa sísmica na China
Porto do Recife (PE) apresenta crescimento de 27,5% na receita entre janeiro e abril

safra-graos

As exportações de soja e milho pelos portos do Arco Norte (Itacoatiara (AM), Santarém e Vila do Conde (PA), Itaqui (MA) e Salvador (BA)) saltaram de 13 milhões de toneladas para 20 milhões de toneladas no acumulado de 2015, em comparação com 2014. Esse resultado representa um incremento de quase 54% na capacidade de escoamento de grãos pelos portos da região.

+ MRS assume terminal ferroviário da Rede Ferroviária Federal S.A em Jundiaí (SP)

De acordo com o diretor de Infraestrutura, Logística e Geoconhecimento para o Setor Agropecuário, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Marcelo Cabral, a participação do Arco Norte, que há cinco anos escoava 8% do total soja e milho destinado ao mercado internacional, já alcança 20% dos embarques totais do país.

Os embarques pelo porto de Santos saíram de 27 milhões, em 2014, para 30 milhões de toneladas desses grãos em 2015. Paranaguá, no Paraná, teve crescimento mais discreto, de 17 milhões para 18 milhões de toneladas desses dois grãos.

Todos os portos brasileiros vocacionados à exportação operaram volumes acima daqueles registrados na safra anterior.

+ Saiba tudo do mundo do transporte e da logística. Curta nossa página no Facebook!

COMMENTS