Mais dez radares entram em funcionamento no Sul de Minas

Os equipamentos estão instalados nos municípios de Conceição dos Ouros, Itanhandu, Campanha, Jacutinga (dois), Monte Sião, Pedralva, e Passa Quatro (dois)

Novas regras da Receita Federal vão dificultar utilização de créditos tributários pelas empresas
Triunfo apresenta menor tarifa de pedágio em SP
Dragagem em Itajaí traz disputa por serviço

Dez novos radares entram em operação, nesta sexta-feira (4) em rodovias do Sul de Minas. Os equipamentos estão instalados nos municípios de Conceição dos Ouros, Itanhandu, Campanha, Jacutinga (dois), Monte Sião, Pedralva, e Passa Quatro (dois). A instalação dos radares faz parte do Programa Estruturador de Aumento da Capacidade de Segurança dos Corredores de Transporte (Proseg), que tem como objetivo aumentar a segurança nas rodovias estaduais mineiras.

Até o final do ano, o Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER) espera atingir a meta de 74 radares em operação em todo o Estado. Durante o mês de dezembro, os trabalhos de instalação de novos equipamentos estarão concentrados nas regiões Sul, Triângulo, Alto Paranaíba e Central, incluindo a região metropolitana de Belo Horizonte.

Na primeira etapa do contrato, quando serão investidos R$ 7 milhões, está prevista a instalação de 74 equipamentos. O contrato integral, que é de quatro anos, representa um investimento de R$ 98,5 milhões e a previsão é instalar 196 radares. As empresas vencedoras da licitação, além de instalar os radares, serão responsáveis pela manutenção dos equipamentos.

Em setembro, foi dada a ordem de início para a primeira etapa do contrato. O número de radares em operação nas rodovias mineiras chega a 15 equipamentos, 13 na região sul e dois na região metropolitana de Belo Horizonte.

Multas

O processamento das multas geradas por registro de excesso de velocidade pelos radares será efetuado pelo DER. O prazo de encaminhamento das notificações aos proprietários dos veículos infratores será de no máximo 30 (trinta) dias, conforme está previsto no Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

COMMENTS