Roubo na Marginal Tietê é solucionado com a ajuda de rastreador

Autônomo trafegava de madrugada e foi vítima de emboscada. Equipamento de rastreamento ajudou a encontrar o veículo com a carga intacta

Empresas Randon fornecerão 213 retroescavadeiras para governo gaúcho
Mercedes-Benz realiza grande venda de ônibus rodoviários para Espírito Santo, Ceará e São Paulo
Scania fornece ônibus para a frota da Infraero no Galeão (RJ) durante a Copa do Mundo

No dia 22 de maio, às 4h, quando trafegava pela Marginal Tietê, em São Paulo-SP, o caminhão de um autônomo foi vítima de uma emboscada. O caminhoneiro transportava cerâmica e material descartável, e no momento do roubo se encaminhava para a Via Dutra.

Segundo o motorista, a abordagem foi feita por um carro que o alertava sobre uma suposta queda da carga. Pouco depois, um outro caminhão também passou por ele, informando sobre problemas com sua carga. O motorista não parou, suspeitando de uma armadilha. Quilômetros depois, em um local que considerou seguro, o caminhoneiro parou o veículo para checar a carga e foi surpreendido por três homens armados, que anunciaram o assalto, rendendo o motorista e seu ajudante.

As vítimas foram colocadas em um caminhão e feitas reféns pelos assaltantes. Depois de rodar por duas horas, ao chegar a uma casa em uma favela, que foi o cativeiro dos transportadores por aproximadamente uma hora. “Após algum tempo, os dois homens retornaram e disseram que o caminhão bloqueou quando tentaram retirar o rastreador. Após isso, entramos em um carro e fomos levados até Ferraz de Vasconcelos-SP, onde fomos libertados por volta das 7h30.”, afirmou o dono do caminhão roubado.

O caminhão foi encontrado em Guarulhos, com a carga intacta, tendo avarias apenas na parte elétrica. O veículo foi rastreado e encontrado graças a um rastreador via satélite.

Leonardo Helou Doca de Andrade – Redação Portal Transporta Brasil

COMMENTS