Governo de MG lança edital de PPP do Rodoanel Norte

Trecho de 66 quilômetros ligará dois pontos da BR-381, cruzará a BR-040 e diversas rodovias estaduais

Governo autoriza início das obras para o novo aeroporto em Vitória da Conquista (BA)
Marcopolo e Volvo vendem 35 ônibus para o Chile
Paralisação da hidrovia Tiête-Paraná pode gerar US$ 37 milhões de prejuízo

Fernão Dias-br 381-congestionamento-saída para vitória

O governo de Minas Gerais publicou o edital da licitação para a PPP (Parceria Público Privada) do Rodoanel Norte, na última quinta-feira (26/06). O projeto prevê a ligação com dois trechos da BR-381 (na saída para Vitória e para São Paulo), o cruzamento com a BR-040 (na saída para Brasília) e com as estaduais MG-010, MG-020, MG-404 e LMG-806.

A via terá 66 quilômetros e passará pela região metropolitana de Belo Horizonte nas cidades de Santa Luzia, Vespasiano, Sabará, Pedro Leopoldo, São José da Lapa, Ribeirão das Neves, Betim e Contagem.

O intuito da nova rodovia é reduzir o tráfego do Anel Rodoviário de Belo Horizonte, cotado, atualmente, em 154 mil veículos por dia. Espera-se que, com a conclusão do Rodoanel Norte, este número diminua em 70 mil (48%) automotores que circulam pela via.

A razão disso é que muitos dos veículos que hoje transitam por Belo Horizonte provêm das BRs 281, 262 e 040 e tem como destino o interior do Estado.

O contrato será válido por 30 anos para construção e operação da via. Estima-se o investimento de R$ 4 bi divididos entre obras e desapropriações. Do montante, R$ 3,2 bi serão pagos pela iniciativa privada e os R$ 800 milhões restantes, pelo Estado de Minas Gerais.

As propostas têm até 18 de agosto para serem apresentadas. Espera-se que o contrato seja assinado ainda neste ano e que as obras comecem já no início de 2015. Ganhará a licitação a empresa que cobrar menor valor mensal de contraprestação a ser paga pelo Estado de Minas Gerais.

O pedágio da nova rodovia será proporcional ao percurso realizado por cada veículo e variará entre R$ 4,10 e R$ 7,10.

COMMENTS