Diesel troca de cor em julho para evitar fraudes

Diesel S500 receberá corante vermelho na composição para se diferenciar do novo Diesel S50 e evitar a comercialização enganosa

42º Leilão de Biodiesel negocia 671,3 milhões de litros do combustível
Petrobras vai investir R$ 140 bilhões no abastecimento do mercado interno de combustível
BR-101 e BR-116 têm o diesel mais barato, segundo levantamento da Ticket Car

Motoristas que abastecem seus veículos com diesel S500 e S1800 devem ficar atentos a partir de 1º de julho. Por determinação da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), eles mudarão de cor: o S500 receberá corante vermelho e o S1800, por causa da proibição de adição de corante, terá uma cor amarela natural, que pode variar para as tonalidades marrom ou alaranjada devido à adição de biodiesel.

De acordo com a ANP, a intenção é evitar que o óleo diesel S500 seja comercializado como S50 ou S10 que, atualmente, possuem coloração semelhante, ligeiramente amarelada. As fraudes são suscetíveis porque a procura pelo S50 aumentou nos últimos meses, quando a venda desse combustível, menos poluente, passou a ser obrigatória para os veículos da fase PROCONVE P-7.

A medida é válida para todo o território nacional e os consumidores devem ficar atentos à mudança, para evitar dúvidas na hora de abastecer o veículo.

COMMENTS