Infraero: Aeroportos prontos para a alta estação

A expectativa é que o crescimento gire em torno de 8% no período de festas. A estatal - que juntamente com órgãos do setor aéreo participa da Operação Feliz 2009 - se prepara para mais um período de normalidade nos aeroportos da rede

Lucro da Volvo cresce 28% no 2º trimestre
Paraná lidera gastos do DPVAT
Ford crê que venda de caminhões terá apenas 5% de queda em 2009

A Infraero já está com tudo pronto para receber um fluxo maior de passageiros no final do ano nos aeroportos. A expectativa é que o crescimento gire em torno de 8% no período de festas. A estatal – que juntamente com órgãos do setor aéreo participa da Operação Feliz 2009 – se prepara para mais um período de normalidade nos aeroportos da rede.

“Exatamente como no final do ano passado, o passageiro viajará com tranqüilidade. Desde o ano passado, conseguimos regularizar a situação nos aeroportos e neste período de festas não será diferente”, garantiu o presidente da Infraero, Sergio Gaudenzi, após se reunir com os órgãos que compõem o setor aéreo, nesta terça-feira (25/11), no Ministério da Defesa.

Mais conforto para o passageiro

Durante o ano de 2008, a Infraero não só deu continuidade às operações iniciadas em dezembro de 2007 para garantir o melhor trânsito dos passageiros, como realizou uma série de investimentos para melhorar ainda mais a segurança e o conforto para os passageiros no período de alta estação, como:

– A compra de 95 aparelhos de raio-X deu mais agilidade no atendimento aos passageiros.

– 121 novos ônibus também vão garantir o aumento de capacidade de passageiros em 32 aeroportos.

–  52 aeroportos foram testados ao logo deste ano. Eles passaram por intensas vistorias técnicas para correções de possíveis problemas. Equipes da Diretoria de Operações percorreram o mesmo caminho dos passageiros, checaram equipamentos e avaliaram gargalos. Todos os aeroportos receberam um Plano de Ação para correção em diversas áreas a fim de garantir o bem-estar dos usuários.

– A estatal também contratou este ano cerca de mil novos funcionários que já estão atuando em áreas que necessitavam de maior reforço.

– Disponibilizou no site novo parâmetro para atrasos de vôos –  30 minutos passou a ser a referência.

– Implantou novo sistema de gerenciamento de faturamento de estacionamentos em mais quatro aeroportos, permitindo maior arrecadação. Atualmente 17 aeroportos já usam o sistema em seus estacionamentos.

– A empresa está oferecendo aos passageiros informações mais ágeis, mediante o uso do Sistema de Soluções Operacionais (SISO), já presente em oito aeroportos, e que deverá ser instalado nos demais até dezembro. O sistema, ligado a um banco de dados com informações de vôo, possui novos monitores LCD de até 52 polegadas.  No instante da decolagem de um vôo em um aeroporto, por exemplo, é enviada automaticamente uma mensagem para o SISO do aeroporto de destino, informando a hora da decolagem, previsão de chegada e o prefixo da aeronave, facilitando o planejamento e a exibição de informações no aeroporto de destino.

– A partir de dezembro, 12 aeroportos darão acesso gratuito à internet em todas as áreas, inclusive salas de embarque. Inicialmente, a implantação de rede wireless atenderá à demanda em Guarulhos (SP), Galeão (RJ), Brasília (DF), Confins (MG), Santos Dumont (RJ), Congonhas (SP), Salvador (BA), Recife (PE), Porto Alegre (RS), Manaus (AM), Curitiba (PR) e Belém (PA).

– Núcleo de Acompanhamento e Gestão Operacional (Nago). Os núcleos criados nos principais aeroportos da rede, em dezembro passado, e ainda em operação, funcionarão 24 horas por dia durante a Operação Feliz 2009. Eles gerenciam todas as informações a respeito de vôos e aeroportos, possibilitando uma rápida ação por ocasião de algum problema detectado. Os núcleos trabalham em ligação direta com o Centro de Gerenciamento de Navegação Aérea e monitoram todo o aeroporto: salas de embarque; pontes de embarque; painéis de chegadas e partidas; funcionamento das esteiras de bagagem, raios-x entre outros. O núcleo de Brasília, sede da operação, funciona como uma sala de gerenciamento, onde cada “situação anormal” é solucionada em um tempo mínimo. Gerentes de segurança, operações, manutenção, imprensa e supervisores revezam-se em escalas.

Obras e melhorias:

Algumas obras e melhorias realizadas pela Infraero este ano já vão trazer impacto imediato para o passageiro no fim de ano e alta temporada:
– Congonhas: recuperação da pista principal e de táxi e complementação da reforma, adequação e modernização do TPS. Início da obra de construção da nova torre de controle.
– Santos Dumont: Reforma e ampliação do TPS, pistas e pátios e obras complementares.
– Galeão: O aeroporto está com nova pista principal e já iniciou a força-tarefa no terminal 1 com a reforma de banheiros, polimento de piso, troca de forro, revitalização do sistema elétrico entre outras melhorias. Também já iniciaram as obras de conclusão do terminal 2.
– João Pessoa: Reforma e ampliação do TPS, reforço da pista de pouso, táxi e pátios de aeronaves.
– Salvador: Ampliação e readequação do sistema viário, com obra total a ser entregue até 15 de dezembro.
– Confins: obras iniciadas para ampliação do estacionamento em mais 700 vagas. O aeroporto adotou ilhas de conforto para o passageiro. São três ao todo, cada ilha uma dotada de 16 tomadas para diferentes tipos de celulares, quatro (4) pontos para notebooks, monitor de LCD e 16 cadeiras. Também instalou para os usuários com deficiência ou com mobilidade reduzida balcões de check-in exclusivos.
– Guarulhos: um elevador  – para usuários com mobilidade reduzida  – fio adaptado à escada de acesso ao edifício.
– Parnaíba: Ampliação e reforço de pátio de aeronaves e pista de pouso, além da construção da torre de controle. Obra a ser entregue em dezembro.
– Fortaleza: Construção das vias de acesso, reforço do pátio, pista de táxi, construção de nova torre de controle, além de novo terminal de carga.  Obra a ser entregue em dezembro.
– Boa Vista: reforma e ampliação do TPS, reurbanização do acesso e construção de edificações complementares. Conclusão até dezembro.
– São Gonçalo do Amarante: construção de novo aeroporto, desmatamento, terraplenagem, pavimentação, drenagem, proteção vegetal, sinalização horizontal e infra-estrutura do sistema de auxílio e proteção ao vôo.
– Cruzeiro do Sul: novo terminal de passageiros que entrará em operação até fim de novembro.
– Goiânia: foi concluída em outubro a ampliação da sala de embarque do Aeroporto Santa Genoveva. O espaço extra permitiu a disponibilização de mais assentos, além de melhorar as condições dos procedimentos de segurança, com maior comodidade para a passagem pelos aparelhos de raios-x.
– Uberaba: o aeroporto recebeu melhorias na nova torre de controle e instalações de navegação aérea e administrativas, além do espaço ter sido ampliado de 975m² para 2000m². Com a reforma, o aeroporto passa a ter capacidade de atender a 200 mil passageiros/ano.
– Uberlândia: Ampliação da pista de 1950 m para 2100 metros. Construção de Área de Segurança de Fim de Pista (RESA).
– Rondônia: 2,4 km de extensão da pista do aeroporto foram recuperados. Foram realizados a recuperação da base e o recapeamento total da pista, além da sinalização horizontal e instalação de novo balizamento.
– Cuiabá:  o aeroporto instalou rampas de acesso, escada rolante acessível a cadeirantes, escada fixa, elevador, telefone para surdo e adaptações em banheiros e bebedouros. Um piso tátil também já está instalado. Disponível da entrada principal do saguão até o balcão de informações, o piso possui atalhos de acessos à escada rolante, escada fixa e elevador.
– São Luís: Recuperação do asfalto da pista do aeroporto, com previsão de término em 31 de dezembro.
– Rio Branco: execução de reparos no pavimento da pista de pousos de decolagens. Os trabalhos estão sendo executados pelo 7º Batalhão de Engenharia, por meio de convenio firmado entre a Infraero e o Comando do Exército.

O presidente da Infraero diz ainda que a estatal vai se espelhar no ano passado e melhorar ainda mais a infra-estrutura dos aeroportos para receber os passageiros. “Tenho certeza que teremos um final de ano ainda melhor”, disse.

COMMENTS