ALL cai 13% com venda de estrangeiro

Trata-se de um giro maior que o de ações com grande liquidez no mercado, como Gerdau e CSN

Movimentação de contêineres em Itajaí cresce 94%
Credores tentam impedir venda da Chrysler para a Fiat
Curso de pós-graduação em Logística e Distribuição da FIA está com inscrições abertas

As units da empresa de logística ALL registraram forte queda de 13,07%, a maior entre os papéis que fazem parte do Ibovespa. Além da baixa, o grande volume negociado, de quase R$ 150 milhões, chamou a atenção dos investidores. Para se ter uma idéia, trata-se de um giro maior que o de ações com grande liquidez no mercado, como Gerdau e CSN.

A queda foi atribuída às vendas de grandes investidores estrangeiros, que teriam dado ordens para zerar as posições no papel. Analistas não identificaram nenhuma notícia relacionada à empresa que justificasse a baixa de ontem. O movimento com o papel, porém, trouxe preocupação, principalmente por conta da desconfiança provocada pelas perdas com derivativos anunciadas por Sadia e Aracruz. Após o fechamento do mercado, a ALL anunciou a abertura de um programa de recompra de até 1,46% das units em circulação. (Vinícius Pinheiro – Gazeta Mercantil)

Link para a matéria

COMMENTS