Boeing planeja demitir 10 mil em 2009

Este número representa 6,25% do quadro de funcionários da Boeing, que atualmente está em 160 mil pessoas

Importações recuam 57% em 2010 (MT)
Rui Cesar Alves recebe homenagem em Uberlândia
Construção de pedágio provoca 16 km de congestionamento na Fernão Dias

A Boeing, segunda maior fabricante de aeronaves do mundo, planeja demitir 10 mil pessoas até o final deste ano, conforme anunciou hoje o presidente da empresa, Jim McNerney, em teleconferência sobre os resultados.

Este número representa 6,25% do quadro de funcionários da Boeing, que atualmente está em 160 mil pessoas. No entanto, a companhia ressaltou que deste número informado hoje, 4.500 já foram anunciados no início deste mês, restante 5.500 para serem anunciadas durante o ano.

O presidente avaliou que a medida foi tomada em função da crise financeira mundial que afeta o tráfego aéreo e o financiamento para as companhias aéreas.

Hoje, a Boeing informou seus resultados referentes ao quarto trimestre de 2008. A empresa registrou prejuízo líquido de US$ 56 milhões (US$ 0,08 por ação). As receitas no período recuaram 27%, ficando em US$ 12,7 bilhões.

Link para a matéria

COMMENTS