Librelato apresenta novidades da série Evolut e planos de expansão

Librelato apresenta novidades da série Evolut e planos de expansão

Rodotrem basculante, semirreboque carga seca, tanque e furgão lonado são destaques e apresentam inovações

Caminhões VW são as novas estrelas da Caravana Iluminada de Natal da Coca-Cola
Tabela de fretes em xeque: risco de nova greve?
Como dirigir bem? Não perca nossa entrevista ao vivo com a Master Driver da Scania

Librelato chega à Fenatran 2022 com novidades que revelam uma transformação organizacional da empresa, voltados tanto ao mercado interno como ao externo. Além disso, a empresa apresenta a série Evolut, com novidades nos implementos Rodotrem Basculante, Tanque e Furgão Lonado. Além da versão com 4 eixos, foram incluídos ao portfólio opcionais exclusivos que facilitam o transporte de materiais com propriedades anticorrosivas, agilizam a amarração da carga e possibilitam controlar as frotas.

De acordo com José Carlos Sprícigo, CEO da Librelato, a empresa está em um novo momento. “A partir da nova cultura organizacional, a Librelato deve voltar-se integralmente à inovação corporativa, por meio de fusões, aquisições, parcerias, pesquisa e desenvolvimento, criando novos modelos de negócios em produtos e serviços, com enfoque em ESG (Environmental, Social and Governance – traduzida como Ambiental, Social e Governança) e excelência operacional, requisitos fundamentais para qualquer negócio. A empresa tem previsão de expansão e adoção de novas tecnologias para suportar a estratégia de inovação difundida dentro da companhia”, afirma.

De acordo com o executivo, a estratégia de inovação está cercada de análises de cenários, gestão de riscos, benchmarking e investimentos. “Quando falamos em processos e produtos, estamos também considerando a parceria e investimentos em startups com hubs e laboratórios de inovação internos que irão acelerar a inovação. Isso nos trará a possibilidade de obter um leque de novas alternativas em produtos, serviços e novos canais. Todo esse escopo nos levará ao crescimento da empresa aliado às expectativas de suas partes interessadas”, explica o executivo.

Startup Sigaway – Um exemplo disso é a aposta da Librelato na startup Sigaway, localizada em Florianópolis, Santa Catarina, que desenvolve soluções de inteligência embarcada e conectividade nos implementos da marca. Trata-se da tecnologia Fleetsense, que incorpora a linha Evolut da Librelato com várias opções de sensoriamento e telemetria, para que o gestor de frota possa ter controle absoluto sobre sua operação.

A Sigaway é uma empresa especializada no desenvolvimento de placas eletrônicas com tecnologia de software 100% nacional. Com foco em segurança de dados, os pacotes da Sigaway são desenvolvidos pensando na aplicação vocacionada de cada operação.

A startup, que foi incubada pela Librelato, reúne a expertise da Librelato ligada ao transporte rodoviário de carga, adquirida ao longo dos últimos 53 anos, conectando com segurança, conforme a LGPD – Lei Geral de Proteção de Dados. O objetivo, com a startup Sigaway, é desenvolver soluções de telemetria e conectividade para atender as necessidades dos clientes em tempo real, dentro e fora da fábrica, com redução do custo total da operação (TCO) e aumento da segurança nas estradas do País.

Investimentos – Em 2023, a Librelato deve concluir os investimentos iniciados em 2022, no valor de 50 milhões de reais, em infraestrutura, desenvolvimento de novos processos, pessoas e produtos.

Na visão de Sprícigo, o mercado continua com alta demanda, com expectativa de chegar a mais de 80 mil semirreboques emplacados em 2022. “Temos o objetivo de chegar a 14% de market share, considerando todas as linhas de produtos. Essa estratégia de crescimento contínuo e consistente de participação tem trazido bons resultados para a companhia. Quando olhamos as linhas principais da marca, com os modelos basculantes e carga aberta, temos atingido acima de 20% de share no mercado nacional. Para 2023 estamos prevendo aumentar continuamente nossa participação de mercado e chegar a 15%’’, enfatiza o executivo.

Mercado externo – No mercado externo, a Librelato conta com uma nova planta de CKD com base em Uganda, no continente africano. “Essa unidade certamente trará bons negócios para nossa marca”, afirma. Outra novidade para o mercado externo é a abertura de um escritório da empresa em Portugal. Com ele, a Librelato espera ganhar ainda mais visibilidade e acesso aos negócios na África e Oriente Médio com maior proximidade não só com os países dessas regiões, mas também com as empresas europeias que têm presenças importantes nesses locais.

A Librelato segue sendo a segunda maior exportadora de implementos rodoviários do Brasil. No primeiro semestre deste ano, cerca de 500 pinos foram exportados, sendo os implementos carga seca, basculante e tanque, os carros-chefes. Os principais mercados de exportação são América do Sul, Paraguai, Chile e Uruguai.

Por Ricardo Panessa, especial para Agência Transporta Brasil

Clique aqui para assistir a vídeos sobre transporte todos os dias na TV Transporta Brasil

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS