ANTT suspende reajuste do pedágio da BR-393/RJ

De acordo com a Resolução nº 4.613, tarifa seria elevada de R$ 4,50 para R$ 5 em três praças de pedágio

ANTT recebe contribuições sobre concessão da BR-364/365 entre GO e MG
Pedágio da BR-116 no Sul ficará mais caro na quarta
Caminhoneiros enfrentam fiscalização de novas normas para rodarem nas estradas do país

pedagio-tarifa-preco

A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) decidiu suspender a Resolução nº 4.613, que reajusta em 11% a tarifa do pedágio da BR-393, conhecida como Rodovia do Aço. O trecho que passaria a custar mais caro corresponde à divisa de Minas Gerais com o Rio de Janeiro, no entroncamento da BR-116 (Via Dutra).

De acordo com a agência, a cobrança está suspensa “para ajustes técnicos”.

A resolução com o reajuste já havia sido publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (27/2). No texto, a tarifa seria elevada de R$ 4,50 para R$ 5 em três praças de pedágio.

A ANTT não informou nenhuma previsão de quando seria anunciado um novo reajuste no preço.

COMMENTS