Nova fábrica da Renault do Brasil atinge a marca de 100 mil automóveis produzidos

Conquista acontece três meses após retomada da produção da unidade de São José dos Pinhais (PR), cuja atividade ficou paralisada por oito semanas para ampliação da sua capacidade instalada

Patrus Transportes recebe prêmio de melhor transportadora da Natura
SKF investe R$ 7 milhões em novo centro de distribuição em Cajamar (SP)
TAM diminui número de comissários em 32% dos voos após prejuízos

renault-fabrica-producao

A nova fábrica de veículos de passeio da montadora Renault, localizada em São José dos Pinhais (PR), alcançou, nesta semana, com um modelo Renault Duster, a produção do veículo número 100 mil.

Essa conquista acontece três meses após da retomada da produção da unidade, cuja atividade ficou paralisada por oito semanas, a partir de dezembro de 2012, para ampliação da sua capacidade instalada.

A unidade, reinaugurada no dia 2/3 deste ano, é resultado de investimentos de R$ 500 milhões, que são parte de um plano total de R$ 1,5 bilhão previsto para o período 2010-2015. A ampliação da fábrica de automóveis – responsável pela produção dos modelos Duster, Sandero, SanderoStepway e Logan – elevou sua capacidade de produção de 220.000 para 320.000 unidades anuai s. Ao todo, o Complexo Ayrton Senna (do qual faz parte também a fábrica de comerciais leves), teve sua capacidade ampliada de 280 para 380 mil veículos por ano.

“O desempenho da Renault está dentro das nossas previsões. A conquista desse volume reflete a retomada do nosso ritmo de produção e vendas, que devem continuar crescendo gradativamente”, ressalta Olivier Murguet, Presidente da Renault do Brasil.

A Renault encerrou 2012 com 6,6% de participação de mercado e a meta é alcançar 8% até 2016.

COMMENTS