Diadema (SP) restringe caminhões em 11 vias

Cidade do Grande ABC proíbe a circulação de pesados a partir desta segunda-feira (14/2)

MAN comercializa primeiro caminhão Volkswagen 15 toneladas Euro 5 no México
Caminhoneiros ameaçam nova paralisação e Petrobras anuncia preço fixo do diesel
Jamef testa VUC movido a gás natural em SP

A cidade de Diadema, no ABC Paulista, também passa a restringir a circulação de caminhões. A medida tomada pela Secretaria de Transportes começou a valer nesta segunda-feira (14/2) em 11 vias do centro do município, entre 6h e 20h de segunda a sexta-feira, e das 6h às 14h aos sábados. Veículos com cargas perecíveis, caminhões de serviços especiais e VUCs (Veículos Urbanos de Carga) com peso até quatro toneladas estarão livres para trafegarem em qualquer dia e horário.

A medida considera o aumento de cerca de 20% da circulação de caminhões no centro de Diadema. Detectores instalados no asfalto e radares fotográficos realizarão a fiscalização nos horários restritos. O infrator estará sujeito a multa de R$ 85,13 e quatro pontos na carteira de habilitação.

A zona de restrição envolve as ruas São Manoel, Santo Antônio, São Francisco de Assis, São Joaquim, São Jorge, São Judas Tadeu, Arthur Sampaio Moreira, Izaurino Lopes da Silva e as avenidas São José, Santa Maria e Nossa Senhora das Vitórias.

COMMENTS