Petrobras assina contrato para construção de plataformas do pré-sal

Companhia fechou contrato com empresa brasileira de engenharia que deve entregar, até 2015, oito cascos de plataformas destinadas à primeira fase de produção do pré-sal

Petrobras aprova cisão parcial da BRK Investimentos Petroquímicos
Petrobras Biocombustível e Tereos inauguram destilaria de etanol
Petrobras investirá mais de R$ 7 bi na indústria naval até 2015

A Petrobras assinou nesta quinta-feira (11) dois contratos no valor total de US$ 3,46 bilhões com a empresa brasileira Engevix Engenharia S.A. para a construção de oito cascos das plataformas destinadas à primeira fase de desenvolvimento da produção do polo pré-sal da Bacia de Santos (SP).

Os cascos foram batizados de “replicantes” e integram a nova geração de unidades de produção conforme os parâmetros de simplificação de projetos e padronização de equipamentos, o que permite maior rapidez no processo de construção, ganho de escala e otimização de custos.

A construção dos cascos deve começar em março de 2011, no polo Naval de Rio Grande (RS), com previsão de um conteúdo local de aproximadamente 70%. As duas primeiras unidades têm previsão de entrega para 2013, e as demais, ao longo de 2014 e 2015.

Cada plataforma, do tipo FPSO (unidade que produz, armazena e transfere óleo e gás), terá capacidade para processar diariamente até 150 barris de óleo e 6 milhões de m³ de gás. A expectativa é de que todas estejam em funcionamento até 2017, acrescentando até aproximadamente 900 mil barris de óleo por dia à produção nacional.

O aumento na produção tem importância estratégica para que a Petrobras alcance as metas de produção previstas para o polo pré-sal da Bacia de Santos em seu Plano de Negócios.

COMMENTS