Jost utiliza ultrassom para verificação de qualidade do pino-rei

Sistema permite que seja detectado qualquer tipo de fissura ou imperfeição oriunda do processo de forjamento da peça

Covre é a primeira empresa a adquirir novo Actros 2655 6×4 V8
IPVA Rio Grande do Norte 2014
Metro-Shacman quer ser a 5ª do mercado brasileiro até 2019

A empresa fabricante de implementos automotivos, Jost Brasil, passa a utilizar um sistema de utlrassom na verificação da qualidade do pino-rei, peça usada no acoplamento entre o veículo e a carreta. Esse processo é usado para detectar qualquer fissura ou imperfeição oriunda do processo de forjamento da peça.

“O pino-rei é uma peça de segurança e por este motivo é preciso garantir que não apresente nenhum defeito”, explica o Gerente Executivo da JOST Brasil, João Pedro Crespi. Uma das vantagens de utilizar o ultrassom nas operações é a rapidez proporcionada pelo sistema. “É diferente de outros sistemas, como a radiografia da peça, por exemplo, que exige mais investimentos e também demanda um tempo maior para obtenção do resultado”, destaca Crespi.

COMMENTS