Jost utiliza ultrassom para verificação de qualidade do pino-rei

Sistema permite que seja detectado qualquer tipo de fissura ou imperfeição oriunda do processo de forjamento da peça

BNDES suspende Finame PSI para caminhões. Procaminhoneiro está mantido
Mercedes Vito começa em 105 000 reais e terá versão flex
Dibracam inaugura nova revenda de caminhões e ônibus Volkswagen/MAN em Santo André (SP)

A empresa fabricante de implementos automotivos, Jost Brasil, passa a utilizar um sistema de utlrassom na verificação da qualidade do pino-rei, peça usada no acoplamento entre o veículo e a carreta. Esse processo é usado para detectar qualquer fissura ou imperfeição oriunda do processo de forjamento da peça.

“O pino-rei é uma peça de segurança e por este motivo é preciso garantir que não apresente nenhum defeito”, explica o Gerente Executivo da JOST Brasil, João Pedro Crespi. Uma das vantagens de utilizar o ultrassom nas operações é a rapidez proporcionada pelo sistema. “É diferente de outros sistemas, como a radiografia da peça, por exemplo, que exige mais investimentos e também demanda um tempo maior para obtenção do resultado”, destaca Crespi.

COMMENTS