Gol abre loja física em São Paulo com foco na nova classe média

A partir da última quinta-feira, passou a funcionar em um dos mais tradicionais pontos do comércio paulistano, o Largo 13 de Maio, em Santo Amaro, a primeira loja física com a bandeira Voe Fácil – Gol, para a venda exclusiva de passagens aéreas. O foco da iniciativa é a nova classe média brasileira, que corresponde, hoje, a 51.9% da população, ou cerca de 90 milhões de pessoas

Anac autoriza reestruração societária da GOL
GOL registra recorde de passageiros transportados
GOL registra aumento na taxa de ocupação no mercado doméstico

gol-nova-loja

A partir da última quinta-feira, passou a funcionar em um dos mais tradicionais pontos do comércio paulistano, o Largo 13 de Maio, em Santo Amaro, a primeira loja física com a bandeira Voe Fácil – Gol, para a venda exclusiva de passagens aéreas. O foco da iniciativa é a nova classe média brasileira, que corresponde, hoje, a 51.9% da população, ou cerca de 90 milhões de pessoas.

Essa é a primeira vez que uma companhia aérea brasileira lança mão de uma estratégia tão inovadora para vender passagens aéreas. E por conta disso, a escolha do local para a primeira loja foi justamente um dos redutos comerciais mais movimentados da capital paulistana, por onde passam, hoje, cerca de 1 milhão de pessoas. O plano da empresa inclui a inauguração, durante o ano de 2010, de mais duas lojas no mesmo formato.

“As lojas foram projetadas para aumentar a presença da Gol entre a nova classe média, oferecendo passagens aéreas a preços competitivos aos ônibus interestaduais.” afirma Eduardo Benardes, diretor Comercial da GOL. “O transporte aéreo reduz dias de viagem em apenas algumas horas, com muito mais conforto e qualidade de serviço. O cliente pode ainda parcelar sua passagem em até 36 vezes, uma facilidade que não é oferecida pelos modais terrestres”, complementa Bernardes.

Na nova loja Voe Fácil – Gol o consumidor poderá comprar sua passagem aérea utilizando cartões de crédito, débito, dinheiro, ou também poderá optar por fazer o cartão Voe Fácil –meio de pagamento oferecido pela própria empresa.

O Voe Fácil permite o parcelamento das passagens aéreas em até 36 vezes. A renda mínima para se obter o cartão é um salário mínimo. “Desenvolvemos um sistema rápido e muito eficiente para avaliação de crédito, que facilita a entrada deste consumidor no mercado de transporte aéreo”, avalia Bernardes.

Leia mais notícias sobre a Gol:

Gol registra lucro de R$ 77,9 milhões

Gol fecha acordo com Iberia e capta R$ 1 bilhão

Gol e AeroMexico assinam acordo de code-share

Gol Linhas Aéreas recebe certificação Iosa

Gollog quer dobrar número de cidades atendidas

COMMENTS