Mobilidade em São Paulo agoniza

Diante deste cenário, a mobilidade urbana de São Paulo agoniza e o abastecimento da cidade, que já é um desafio, fica cada vez mais complicado

Editorial – Que Fenatran!
Propostas vazias
Não é nada mole ser motorista no Brasil

As anunciadas interdições em importantes pontes da Marginal do Tietê em São Paulo deixaram o setor de transporte de cargas preocupado. São, ao todo, cinco pontes que serão parcialmente interditadas para as obras de ampliação da via: Vila Maria, Casa Verde, Freguesia do Ó, Bandeiras e Limão.

De acordo com a própria secretaria Municipal de Transportes de São Paulo, as interdições causarão um impacto negativo de até 40% na mobilidade da região afetada, que já era tradicionalmente um pólo gerador de tráfego e de congestionamentos.

Ouvimos alguns transportadores para saber como as empresas vão enfrentar este desafio, com o final do ano chegando e caos no trânsito garantido. Nas empresas, a sensação é de total impotência diante da falta de mobilidade em São Paulo. Nas transportadoras localizadas na Zona Norte, a alternativa será colocar os caminhões nas ruas de uma hora a uma hora e meia mais cedo.

Com isso, as operações ficam mais extensas, os custos aumentam e o abastecimento da cidade cada vez mais prejudicado. Na opinião de um importante dirigente do transporte de cargas em São Paulo, o bloqueio das pontes é irresponsável e deveria ser feito apenas depois da inauguração do Trecho Sul do Rodoanel, uma ponte por vez.

Diante deste cenário, a mobilidade urbana de São Paulo agoniza e o abastecimento da cidade, que já é um desafio, fica cada vez mais complicado. Do lado do transporte de passageiros, a situação é a mesma. Linhas de ônibus serão remanejadas, usuários de carros terão que procurar rotas alternativas e o povo paulistano sofre cada vez mais com os congestionamentos.

Será que tem solução?

Envie sua opinião para opiniao@transportabrasil.com.br

Leonardo Helou Doca de Andrade
Editor-Chefe do Portal Transporta Brasil
redacao@transportabrasil.com.br

COMMENTS