Patrus Transportes adota solução de helpdesk e reduz em 45% o volume de chamados

Suíte baseada na Web 2.0 reduziu o tempo de atendimento dos chamados de suporte aos usuários internos e garantiu a organização da gestão do conhecimento

NOTA: Antaq: País deverá ter de cinco a 10 novos portos
Porto de Paranaguá mantém exportações em crescimento
Governo reduz alíquota do PIS/Pasep e da Cofins na venda de álcool

Atender e manter organizados todos os chamados de suporte da área de TI não é uma tarefa fácil quando a empresa e o número de usuários de seus sistemas crescem, sem que haja uma ferramenta adequada para o gerenciamento deste tipo de atendimento ao cliente interno.

Até início de 2008 a Patrus Transportes vivenciava alguns problemas no gerenciamento do helpdesk durante o atendimento de seus mais de mais de 600 usuários internos de serviços e infraestrutura de TI (aplicações e hardware), o que começou a demandar do departamento responsável pela área que se encontrasse uma solução tecnológica que garantisse a organização e melhoria dos atendimentos aos chamados. Afinal, conta Manuel Landeiro, gerente de TI, a situação começou a ficar mais complicada com o crescimento da empresa, que é uma das maiores empresas do setor e que atende quase a totalidade das cidades da faixa leste do País, desde Aracajú ao Rio Grande do Sul, incluindo seu estado sede, Minas Gerais. No ano passado a empresa foi eleita pelas revistas Época e Exame como uma das Melhores Empresas para se Trabalhar.

“Sabemos que todo crescimento é acompanhado de um aumento significativo de tarefas realizadas e de um conseqüente aumento do número de equipamentos e aplicações. A ausência de um mecanismo de organização e atendimento dos chamados começou a ficar crítica. Então resolvemos buscar no mercado uma ferramenta de TI para este fim. Encontramos na ferramenta Brazip MySuite a solução adequada”, conta.

Um dos fatores que pesou na escolha da Brazip mySuite, de acordo com Landeiro, é  a construção da solução ser baseada na Web 2.0, projetada para permitir organizar o capital intelectual, padronizar tarefas e potencializar os processos de comunicação para os negócios. No caso da Patrus, ela reduziu o tempo de atendimento dos chamados e garantiu a organização da gestão da informação e do conhecimento, “sem contar que a equipe de desenvolvimento da Brazip nos atendeu prontamente na customização de alguns módulos, para que eles de adequassem às nossas necessidades. Os ajustes foram  realizados num tempo muito curto, em poucas semanas”, explica.

COMMENTS