Airbus anuncia venda de fábrica na Alemanha

"A transferência da propriedade está planejada para o outono [do Hemisfério Norte], tão logo se satisfaçam as condições pendentes", anunciou o fabricante europeu

Especialista defende mudança na Lei Seca para facilitar punições
Natura conclui reestruturação
FedEx reduz preços para crescer entre as pequenas e médias

A Airbus, filial do grupo aeronáutico europeu EADS, anunciou nesta sexta-feira a venda de sua fábrica em Laupheim (Alemanha), que emprega 1.100 funcionários, para o grupo Diehl/Thales.

O valor da operação não foi oficialmente informado, mas alguns meios de comunicação informam ser de 240 milhões de euros (R$ 583 milhões).

“A transferência da propriedade está planejada para o outono [do Hemisfério Norte], tão logo se satisfaçam as condições pendentes”, anunciou o fabricante europeu, em comunicado.

A fábrica de Laupheim, que produz componentes para as cabines dos aviões da Airbus, se integrará como uma sociedade mista independente dentro do novo grupo, na qual a Diehl terá 51% das ações, e a Thales os 49% restantes.

O acordo com a Diehl/Thales inclui também lotes industriais para as cabines do futuro A350 atribuídos à fábrica de Laupheim.

A venda desta fábrica estava prevista no plano de reestruturação Power 8, anunciado pela Airbus no início do ano passado para fazer frente à crise causada pelos atrasos na produção de seu avião A380.

COMMENTS