MRS demite 5% dos 3.669 empregados

A medida, segundo a MRS, foi inevitável diante da queda de 40% da movimentação que ocorreu nos últimos meses de 2008

Cidadão poderá integrar junta que analisa recursos contra multas
Ramos Transportes inaugura nova filial em Belo Horizonte
Anac prevê que setor aéreo terá crescimento de 10%, no mínimo

A MRS Logística, uma das maiores concessionárias ferroviárias do País, anunciou ontem a dispensa de cerca de 200 colaboradores que trabalham em unidades da empresa nos três estados onde ela atua. Isso significa 5% de seu quadro de pessoal de em torno de 3669 empregados.

A medida, segundo a MRS, foi inevitável diante da queda de 40% da movimentação que ocorreu nos últimos meses de 2008. “Muitas empresas, logo no primeiro momento, iniciaram processos de redução do quadro de pessoal, através de demissões e suspensão temporária do contrato de trabalho. A MRS Logística, ao contrário, tentou de todas as formas e meios evitar reduções no quadro de colaboradores, confiando em uma melhoria nas condições de mercado”, informou em comunicado.

Recentemente o presidente da empresa, Julio Fontana, admitiu que a redução de transporte de algumas empresas, principalmente a Vale do Rio Doce, impactou fortemente a MRS. “Será difícil atingirmos a nossa meta de transportarmos 200 milhões de toneladas em 2010. Com esse cenário atual, será impossível”, disse Fontana.

Segundo ele, a empresa transportou no ano passado 136 milhões de toneladas, bem abaixo da expectativa da MRS, que era de 150 milhões de toneladas movimentadas em 2008. Para este ano, a previsão é de um transporte de 140 milhões de toneladas. “Mas não temos a previsão clara de como será o ano. Os problemas dos últimos meses frustrou as expectativas”.

COMMENTS