Foton vendeu quase meio milhão de veículos comerciais só na China em 2015

Scania apresenta novo portfólio de produtos para mercado peruano
Iveco produz modelo especial para comemorar seus 40 anos na Argentina
Iveco inaugura concessionária em São Caetano (PE)

caminhao-daimler-foton

A Foton vendeu 483.337 veículos comerciais em 2015 somente na China, segundo apuração do Best Selling Cars Blog, site baseado na Austrália focado na análise e divulgação do desempenho de vendas da indústria automotiva em todo o mundo. No “Top 10” de vendas de veículos comerciais (que inclui de leves a pesados), a Foton ficou em segundo lugar, com quase meio milhão de produtos comercializados. A marca que mais vendeu foi a chinesa Wuling (858.197 veículos), enquanto a Foton ficou a frente da DongFeng (465.263 unidades).

+ Mesmo com encomendas de grandes lotes, lucro líquido da Marcopolo despenca 60% em 2015

Mesmo com a desaceleração da economia chinesa, o mercado automotivo do País continua sendo gigantesco. Hoje, existem na China 137 marcas de automóveis, das quais 84 (61%) são locais.

No segmento de veículos comerciais, os fabricantes chineses são maioria. Em um “Top 20” de vendas feito pelo Best Selling Cars Blog, 10 são marcas chinesas. De acordo com o site especializado, a Wuling conseguiu a liderança por conta das boas vendas de suas vans e picapes, o que torna o desempenho da Foton mais notável por obter o segundo lugar vendendo meio milhão de caminhões.

+ Grupo JSL compra a Quick Logística e Quick Armazéns por quantia milionária

“A força da Foton na China é gigante. E são com essas características de força e qualidade que estamos trilhando nosso caminho no Brasil. Hoje, focamos na venda de caminhões leves e na consolidação e crescimento de nossa rede de concessionárias, mas já temos todo o know-how e expertise de atender a todos os segmentos de veículos comerciais do Brasil no futuro”, diz Luiz Carlos Mendonça de Barros, presidente do Conselho da Foton Caminhões.

No Brasil, a Foton Caminhões começou sua comercialização com a linha leve, onde um dos destaques é o caminhão de 3.5 toneladas, que atende às configurações de um VUC (Veículo Urbano de Carga) e, por isso, tem livre acesso nas zonas de restrições existentes nas maiores cidades do País, e pode ser operado por motoristas com habilitação de categoria “B”.

+ Saiba tudo do mundo do transporte e da logística. Curta nossa página no Facebook!

COMMENTS