Correios inauguram centro de digitalização de objetos postais em SC

Unidade, segunda inaugurada no País, atenderá demandas da região Sul e os Estados do Ceará e Bahia

Com fim da greve, Correios devem normalizar serviços em uma semana
Funcionários dos Correios protestam contra projeto que revê monopólio do serviço postal
Seguro Dpvat pode ser requisitado nos Correios em mais quatro estados

correios-centro-sc

Com a intenção de ampliar a oferta de serviços postais digitais, os Correios inauguraram na quinta-feira (28/11) o segundo Centro de Digitalização e Produção de Objetos Postais no Brasil.

A unidade trabalha com a captação eletrônica de dados dos clientes para geração e entrega física de mensagens. No local, serão atendidas as demandas da região Sul e os Estados do Ceará e Bahia. O novo centro tem capacidade de digitalizar e produzir em meio físico 2,7 milhões de correspondências por mês.

O primeiro centro desse tipo foi inaugurado em Brasília (DF) em agosto e atende as regiões Norte e Centro-Oeste do País.

Juntas, as duas unidades produzem atualmente cerca de 2,5 milhões de mensagens, entre elas a Carta-SUS, correspondência enviada pelo Ministério da Saúde aos usuários do SUS (Sistema Único de Saúde) para avaliação do atendimento, notificações emitidas pela Polícia Rodoviária Federal e pelo Poder Judiciário.

A implantação é parte do projeto Correio Digital, primeiro serviço resultante da Lei 12.490/11 e do Plano Estratégico Correios 2020, que preveem a atuação da ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos) no segmento de serviços postais eletrônicos.

COMMENTS