CCR conquista concessão por 30 anos da BR-163/MS

Concessionária venceu leilão ao oferecer a menor tarifa básica de pedágio de R$ 4,38 a cada cem quilômetros rodados, com um valor de deságio de 52,74%

Concessionária altera sinalização da Via Dutra no trecho de Resende (RJ)
Polícia autua 14 veículos em fiscalização de produtos perigosos na Via Dutra (SP)
Grupo CCR arrecada quase 60 mil peças para a Campanha do Agasalho

ccr-rodovia-ms

O Grupo CCR apresentou a melhor proposta no leilão da BR-163/MS que integra a 3ª etapa das concessões de rodovias federais. Ao oferecer a menor tarifa básica de pedágio de R$ 4,38 a cada cem quilômetros rodados, com um valor de deságio de 52,74%, a CCR assegurou por 30 anos o direito de operar toda a infraestrutura e o serviço público de recuperação, conservação, manutenção, implantação de melhorias e a ampliação da capacidade da estrada.

A concessionária será responsável por 847,2 quilômetros de extensão da BR-163/MS. O trecho, que abrange as divisas do Mato Grosso e do Paraná, representa um total de 20 municípios pertencentes ao Estado do Mato Grosso do Sul.

O lance no leilão, que contou com a participação de cinco grupos e um consórcio, foi dado por meio da CPC (Companhia de Participações em Concessões), que representa o Grupo CCR.

A previsão é de que sejam investidos durante os cinco primeiros anos de concessão R$ 3,4 bilhões, de um total de R$ 5,7 bilhões, que contemplam a duplicação completa da rodovia. Ao todo, está prevista também a construção de nove praças de pedágio.

COMMENTS