Lucro operacional ID Logistics cresce 88,8% no 1º semestre de 2013

Em comparação com o mesmo período do ano passado, volume de negócios obteve acréscimo de 15,9%, atingindo assim o valor de 310,7 milhões de euros

Iveco vai produzir caminhões e ônibus na África
Hamburg Süd oferece serviço de importação da África do Sul para Argentina e Brasil
Gefco tem nova operação na África do Sul

id-logistics-fachada

O grupo ID Logistics registrou no primeiro semestre de 2013 aumento no lucro operacional de 88,8% em relação ao mesmo período do ano passado. Com isso, a operadora logística saltou de € 4,5 milhões para € 8,5 milhões. Já o volume de negócios obteve acréscimo de 15,9%, atingindo assim o valor de € 310,7 milhões.

A receita consolidada da ID Logistics para o primeiro semestre de 2013 chegou a € 310,7 milhões, um aumento de 15,9% em relação ao ano anterior e 18,9% em bases comparáveis (a taxas de câmbio constantes e excluindo o fim das atividades de transporte de temperatura controlada e de frutas e verduras em junho de 2012).

Na França, a receita subiu 6,9% em relação ao primeiro semestre de 2012 e 7,8% em bases comparáveis, impulsionado pelo fechamento de novos contratos e por efeitos ligeiramente positivos de volumes e preços.

Internacionalmente, a receita subiu 31,3% em relação ao primeiro semestre de 2012 e 38,1% em bases comparáveis, impulsionada, principalmente, pelas operações do Brasil, Argentina, África do Sul e Polônia, e também em outros países.

Durante o primeiro semestre de 2013, a ID Logistics assinou importantes contratos com novos clientes como Brico Depot na França, Nivea no Brasil, Privalia na Espanha, Auchan na Polónia, e Atak na Rússia.

O lucro operacional corrente subiu para € 8,5 milhões no primeiro semestre de 2013, crescendo a uma margem operacional de 2,7%, em alta de 100 bps em relação ao primeiro semestre de 2012, apesar da alta de custos relacionada ao forte crescimento da receita e ao início das operações na África do Sul.

Na França, a margem operacional corrente melhorou, passando de 2,1% para 4,0% e o lucro operacional corrente foi de € 7,2 milhões, um crescimento de 190 bps base em relação ao primeiro semestre de 2012 motivos pela forte atividade de negócios, e ao efeito positivo do encerramento das atividades de transporte de temperatura controlada e de frutas e verduras em Junho de 2012 e ao impacto do crédito fiscal de € 1,5 milhões concedidos pelo CICE na França, ação do governo francês para estimula a competitividade e o emprego. Internacionalmente, o lucro operacional corrente foi de € 1,3 milhão, um aumento de 30% em relação ao primeiro semestre de 2012, apesar dos custos que incidiram na abertura de novos sites e o start up da operação na África do Sul no final de 2012. A margem operacional de 1,0% se manteve a mesma do primeiro semestre de 2012.

O lucro líquido do primeiro semestre de 2013 foi de € 4,2 milhões contra uma perda líquida de € 3,0 milhões no primeiro semestre de 2012.

COMMENTS