São Bernardo do Campo (SP) consegue empréstimo do BID para corredores de ônibus

Cidade da Região Metropolitana de São Paulo assinou contrato de US$ 250 milhões como Banco Interamericano de Desenvolvimento para fomentar a mobilidade urbana e aumentar a rede de vias dedicadas do transporte coletivo

Volvo entrega 132 ônibus para sistema BRT de Belo Horizonte (MG)
Ônibus biarticulados da Volvo entram em operação no BRT do Rio de Janeiro
Governo quer proibir uso de “corredores” por motociclistas

onibus-sao-bernardo-do-camp

A cidade de São Bernardo do Campo (SP), no ABC Paulista, assinou esta semana um contrato no valor de US$ 250 milhões com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para a construção de 11 corredores de ônibus na malha municipal.

Segundo a Prefeitura, o investimento será realizado metade pela cidade e metade por meio do empréstimo concedido pelo BID. O primeiro lote de obras, que começará a ser licitado, compreende três corredores: Alvarenga, João Firmino e Rudge Ramos (Vergueiro). “A partir de setembro já vamos abrir a licitação para o primeiro lote, no valor de R$ 120 milhões”, afirma o secretário de Transportes, Oscar Silveira Campos.

A previsão é que as obras comecem no início de 2014, pelo corredor Alvarenga. Os administradores da cidade acreditam que, com este conjunto de obras, São Bernardo alcançará um novo patamar em mobilidade urbana. O prefeito, Luiz Marinho, promete que as obras não vão interferir no transporte individual.

COMMENTS