CEVA renova contrato de logística com a Fiat por três anos

CEVA renova contrato de logística com a Fiat por três anos

Operadora estende os serviços com a líder de mercado brasileira no segmento de automóveis. Serviços incluem a operação do centro de distribuição em Betim (MG) e a armazenagem das peças de reposição para mais de 500 concessionárias

Plantão Covid-19 – episódio 11 – Os impactos na logística: ao vivo com a Logweb
ALL tem novo diretor para a área de serviços e tecnologias
CEVA Logistics renova contrato de longo prazo com o Grupo Bosch no Brasil

A CEVA Logistics acaba de renovar por mais três anos os contratos de serviços com o Grupo Fiat do Brasil. A parceria entre a operadora e a montadora já dura 15 anos e inclui a distribuição de peças de reposição para os mais de 500 concessionários Fiat em todo o Brasil.

O trabalho com as peças inclui também a armazenagem e a operação do centro de distribuição em Betim (MG). Para levar os produtos para as centenas de pontos em todo o País, a CEVA utiliza os modais aéreo, rodoviário e fluvial.

“A CEVA é uma parceira de valor estratégico por causa do serviço de alta qualidade e capacidade de resposta, atendendo a rede de concessionários da Fiat no Brasil. Como líderes de mercado no país, esperamos mais do que o melhor. A operação da CEVA Betim é um Showcase para as melhores práticas e representa um verdadeiro compromisso com a execução impecável em todos os aspectos da operação: do encantamento do cliente até uma cultura baseada na capacitação dos funcionários”, diz Armando Carvalho, gerente de Peças e Acessórios, Marketing e Pós-Vendas da Fiat.

“Este acordo é uma forte demonstração do valor e compromisso da nossa força de trabalho de Betim, que criou uma operação de classe mundial”, afirma Brett Bissell, presidente da CEVA no Brasil e vice-presidente executivo para a América Latina. “Com a poderosa combinação do Programa Site Classification da CEVA e da profunda experiência no setor automotivo, nós criamos uma solução atraente para a Fiat e a sua rede de concessionários. Um nível de atendimento que estamos muito satisfeitos de continuar a prestar”, conclui o executivo.

COMMENTS