Ferroeste e Trensurb discutem projetos ferroviários no Ministério dos Transportes

Presidentes da Ferroeste e da Trensurb discutem as medidas necessárias para que o estudo de viabilidade do Trem Pé-Vermelho e do Trem da Serra Gaúcha seja concluído no prazo previsto no acordo de cooperação técnica com a Universidade Federal de Santa Catarina

Cai ritmo de crescimento do número de passageiros aéreos no Brasil
Porto de Paranaguá investe R$ 44,9 milhões em novo silo
Ações do setor de transporte estão atraentes

Os presidentes da Ferroeste, Samuel Gomes, e da Trensurb (Trens Urbanos de Porto Alegre), Marco Arildo Prates de Cunha, e o diretor de Relações Institucionais da Secretaria de Política Nacional de Transportes, Afonso Carneiro Filho, reuniram-se, nesta segunda-feira (10), na sede do Ministério dos Transportes, em Brasília, para discutir as medidas necessárias para que o estudo de viabilidade do Trem Pé-Vermelho e do Trem da Serra Gaúcha seja concluído no prazo previsto no acordo de cooperação técnica com a Universidade Federal de Santa Catarina.

As autoridades consideram que os estudos estão avançando na forma prevista e que será possível realizar a pesquisa de demanda ainda no mês de maio ou no início de junho, antes das férias escolares, tanto no Paraná, para o Trem Pé-Vermelho, como no Rio Grande do Sul, para o Trem da Serra Gaúcha.

Nesta terça-feira (11) ocorrerá uma reunião em Florianópolis, no Labtrans – Laboratório de Transporte e Logística da UFSC entre técnicos da Universidade, da Ferroeste e da Trensurb para finalizar o planejamento da pesquisa de campo e atender a solicitações da ANTT, órgão é responsável pela outorga para funcionamento de ambos os trens de passageiros.

“A Trensurb e a Ferroeste vieram ao Ministério dos Transportes para oferecer sua colaboração a fim de que o cronograma previsto seja cumprido. Tivemos a oportunidade de transmitir ao Ministério a grande expectativa das populações do Paraná e do Rio Grande do Sul com a retomada dos trens de passageiros em nossos Estados”, disse Samuel Gomes, diretor-presidente da Ferroeste.

O presidente da Trensurb, Marco Arildo Prates da Cunha, afirmou que a empresa federal que opera no Rio Grande do Sul está plenamente empenhada “para finalizar o estudo de viabilidade do Trem da Serra Gaúcha ainda neste semestre”.

Link para a matéria original

COMMENTS