Curso capacita policiais para a guerra contra o roubo de cargas em SP

Treinamento coordenado pelo DEIC (Departamento de Investigações sobre Crime Organizado) foi realizado com 40 policiais civis para aperfeiçoamento de informações sobre o ciclo de operações do transporte rodoviário de cargas a fim de aumentar o poder de atuação da polícia contra o roubo de cargas. Curso teve participação de entidades representativas do setor, como o SETCESP e a FETCESP

Ford Cargo 1119 foi o pulo do gato
VW Caminhões vai fabricar 100 Delivery elétricos para a Ambev no Brasil
Rio de Janeiro terá programa para renovação de frota de caminhões

O combate ao roubo de cargas no Estado de São Paulo, campeão nacional de ocorrências, ganhou força recentemente com a reativação do Procarga, programa destinado à repressão e investigação dos crimes contra as cargas em terras paulistas. De acordo com o DEIC (Departamento de Investigações sobre Crime Organizado), que comanda o combate ao roubo de cargas no Estado, uma das ações do Procarga foi a criação do 1º Curso de Especialização de Investigação e Repressão aos Crimes de Furto, Roubo, Apropriação Indébita e Receptação de Cargas.

O curso, ministrado em janeiro para 40 policiais civis pela Academia da Polícia Civil, é uma exigência do Procarga e durou três dias. No conteúdo, informações sobre o ciclo de operações do transporte rodoviário de cargas, técnicas de abordagem e técnicas aplicáveis às investigações sobre os delitos no setor.

De acordo com o Coronel Paulo Roberto de Souza, especialista em segurança empresarial no transporte de cargas e assessor de Segurança do SETCESP (Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região) e da FETCESP (Federação das Empresas de Transportes de Carga do Estado de São Paulo), o curso é uma iniciativa inédita e ajudará muito no fortalecimento do combate ao roubo de cargas no Estado. Souza foi palestrante no primeiro dia do curso e apresentou os principais detalhes sobre o setor aos policiais.

Ainda segundo o especialista, o curso será ampliado para as próximas turmas. “O objetivo é tornar os policiais verdadeiros especialistas na ação contra o roubo de cargas. Combater eficazmente o roubo de cargas e priorizar a ação contra os receptadores são reivindicações permanentes, verdadeiras bandeiras de luta do transporte de cargas paulista perante as autoridades responsáveis. Por isso, este curso, em conjunto com outras iniciativas das forças policiais, já começam a apresentar resultados no âmbito do Procarga e reacendem nossas esperanças de melhores dias no combate aos ladrões e receptadores de cargas”, comenta o Coronel Souza.

“Esta é mais uma iniciativa do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Segurança Pública, para a capacitação e especialização de todos os policiais civis para combater os crimes contra as cargas, refletindo diretamente no trabalho para baixar os índices destes crimes. O Procarga foi criado em 1997 e recentemente, a pedido do Secretário de Segurança Pública, Dr. Antonio Ferreira Pinto, foi reativado e atualizado. Este programa foi reorganizado e um de seus artigos prevê a disseminação dos conhecimentos sobre o roubo de cargas para todos os policiais civis do Estado”, comenta o Dr. Genésio Leo Jr., delegado de Polícia Titular da 2ª Divecar (Divisão de Investigação sobre Furtos e Roubos de Veículos e Cargas), do DEIC, em entrevista exclusiva ao Portal Transporta Brasil.

Por: Leonardo Helou Doca de Andrade – Redação Portal Transporta Brasil

COMMENTS