Brasil vai colher a maior safra de cana-de-açúcar da história em 2008

Preferência pelo etanol, instalação de 35 novas usinas e boas condições climáticas puxam produção de cana e Conab anuncia safra recorde

Santos Brasil soma 238.384 contêineres movimentados no 1º trimestre de 2011
ANAC autoriza início das obras de ampliação do aeroporto de Brasília (DF)
Letsara reduz emissão de poluentes com projeto de responsabilidade

A preferência dos brasileiros pelo etanol na hora de abastecer os veículos flex-fuel levará o País a colher a maior safra de cana-de-açúcar de sua história, de acordo com dados divulgados nesta quinta-feira (4 de setembro) pelo presidente da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) Wagner Rossi durante a 16ª Feira Internacional da Indústria Sucroalcooleira, em Sertãozinho, Interior de São Paulo.

Segundo Rossi, a indústria sucroalcooleira vai esmagar 558,72 milhões de toneladas de cana em 2008, quantidade 11,4% superior ao volume processado no ano passado, que foi de 501,54 milhões de toneladas. Somado às 151,56 milhões de toneladas destinados à produção de rapadura, cachaça, ração animal e mudas, este volume chega a uma produção total de mais de 710 milhões de toneladas, maior safra de cana da história do Brasil.

A área cultivada passou de 7,08 milhões para 8,98 milhões de hectares, expansão que se deu basicamente em áreas degradadas. “Dos 276 milhões de hectares de terras cultiváveis no País, 72% são ocupados por pastagens naturais/cultivadas, 15,5% por grãos e apenas 3,2% por cana-de-açúcar. O restante está com culturas perenes, como frutas e café”, informou o presidente da Conab.

COMMENTS