Contran libera super rodotrem de 11 eixos, mas só para a cana

Contran libera super rodotrem de 11 eixos, mas só para a cana

Resolução do Conselho Nacional de Trânsito permite o uso de composições rodoviárias de até 11 eixos e 91 toneladas, mas com diversas restrições

Safra recorde no País gera falta de caminhões para escoamento
Nova geração Scania já chega ao pódio dos mais vendidos
Brasil produzirá 162 milhões de toneladas de grãos na safra

Os super rodotrens, composições rodoviárias de 11 eixos e com Peso Bruto Total Combinado entre 74 e 91 toneladas voltarão a ser permitidos no Brasil. Eles haviam sido proibidos depois de alguns pedidos de entidades que representam as concessionárias de rodovias, que alegam que tais conjuntos provocam o desgaste das estradas.

Regras restritivas

A Resolução 872 do Contran, Conselho Nacional de Trânsito, muda esta regra e, desde o primeiro dia de outubro, permite que os super rodotrens sejam utilizados exclusivamente no transporte de cana-de-açúcar. A regra exige também que o conjunto seja tracionado por um cavalo-mecânico, ou caminhão-trator, de tração 6×4 e CMT acima de 91 toneladas, além de 510 cavalos de potência.

O conjunto deve ter no máximo 4,4 metros de altura e entre 28 e 30 metros de comprimento. A circulação desse tipo de super rodotrem deverá sempre ser feita com AET, ou Autorização Especial de Trânsito e não pode ultrapassar a velocidade máxima de 60 km/h. O percurso é de no máximo 80 quilômetros e existem diversas outras regras operacionais para que se possam utilizar esses super conjuntos.

CLIQUE PARA BAIXAR O PDF GRATUITO

Leo Doca – Agência Transporta Brasil (ATB)
leodoca@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS