Porto de Paranaguá (PR) registra alta de 11,3 % na exportação de granéis no primeiro bimestre de 2014

Ao todo, foram 2,26 milhões de toneladas de granéis exportadas; grãos de soja, farelo de soja e milho foram os produtos movimentados

Volvo FH da Transmagna participa da luta contra o câncer de mama
Volkswagen vende caminhões para os Bombeiros do Rio Grande do Sul
Ford Caminhões vende 30 Novo Cargo 1932 para a Transportes Ramthun

portoparanagua

O corredor de exportação do Porto de Paranaguá (PR) fechou o primeiro bimestre de 2014 com 2,26 milhões de toneladas de granéis exportadas, o que significa um crescimento de 11,3% em relação ao mesmo período de 2013.

Ao longo de janeiro e fevereiro foram exportados grãos de soja, farelo de soja e milho, sendo que o volume da soja foi o mais representativo, com 1,28 milhão de toneladas exportadas –aumento de 150% em relação ao primeiro bimestre no ano passado.

“O soja começou a ser escoado mais cedo em 2013 e o reflexo pôde ser percebido no aumento considerável no volume escoado. Temos trabalhado intensamente com o sistema Carga Online para receber todo este volume de grãos sem a formação de filas ou outros transtornos e temos conseguido bons resultados”, o superintendente dos portos paranaenses, Luiz Henrique Dividino.

Cerca de 44 mil caminhões carregados com grãos passaram pelo terminal no bimestre. O número é 36,5% superior ao registrado no primeiro bimestre de 2013. “Realizamos reuniões diárias para adequar a chegada de caminhões à programação dos navios. Os ajustes que fazemos no sistema são para adequar o fluxo de cargas e, quando acontecem acidentes como estes que vimos no mês passado, podemos perceber claramente como o sistema que adotamos consegue manter nossas estradas sem filas”, afirma Dividino.

COMMENTS