Demanda por transporte aéreo doméstico cresceu 4,19% em outubro

Categoria atingiu o seu maior nível para outubro desde o início da série de Dados Comparativos, em 2000

Airbus quer dobrar frota de aeronaves da América Latina nos próximos 18 anos
FedEx movimenta 17 milhões de encomendas no dia 12 de dezembro
Lufthansa cria tour virtual para apresentar programa de vantagens

anac-homeDe acordo com dados da Anac (Agência Nacional de Aviação Civil), a demanda do transporte aéreo doméstico de passageiros voltou a crescer após três meses de quedas. Em outubro, registrou alta de 4,19%, quando comparada com o mesmo mês de 2012.

Resultado significa o quinto ano consecutivo de crescimento da demanda doméstica para o mês. Com o número consolidado, a demanda doméstica atingiu o seu maior nível para outubro desde o início da série de Dados Comparativos, em 2000.

A oferta do transporte aéreo doméstico registrou redução de 1,46% em outubro de 2013, quando comparada com o mesmo mês do ano anterior. A oferta doméstica está em retração há 14 meses, desde setembro de 2012, com exceção do mês de julho de 2013, em que o indicador apresentou variação positiva de 0,22%.

No período de janeiro a outubro de 2013, a demanda doméstica acumulou alta de 0,37% e a oferta doméstica acumulou redução de 4,06%, no comparativo com o mesmo período de 2012.

TAM e GOL lideraram o mercado doméstico em outubro de 2013, com participação de 39,26% e de 36,33%, respectivamente. Entre as principais empresas aéreas brasileiras, a Azul e a Avianca destacaram-se com as maiores taxas de crescimento da demanda doméstica em outubro de 2013, quando comparadas com o mesmo mês de 2012, da ordem de 43,94% e 30,60%, respectivamente.

A taxa de aproveitamento das aeronaves em voos domésticos de passageiros atingiu 77,92%. Quando comparada com a taxa de aproveitamento das aeronaves do mesmo mês do ano anterior, a alta foi de 5,73%.

Em relação à taxa de aproveitamento doméstico, os melhores resultados foram das companhias Avianca e TAM, com 83,20% e 80,14%, respectivamente. Azul, Trip e GOL tiveram aproveitamento de 79,59%, 75,34% e 74,62%, respectivamente, no mesmo mês.

COMMENTS