Jamef se antecipa ao prazo obrigatório e adota sistema CT-e

Empresa tomou essa decisão baseada no provável ganho no tempo operacional que o serviço vai oferecer

Transportadoras paulistas podem se cadastrar para emitir CT-e
Governo paulista testa sistema de emissão de CT-e
Coopercarga utiliza Conhecimento Eletrônico em todas as filiais

A Jamef anunciou que está se antecipando a determinação do Governo Federalpara emissão obrigatória do CT-e (Conhecimento de Transporte Eletrônico), estipulada para 1º de dezembro deste ano,e inicia a utilização do novo sistema este mês.

O CT-e é um documento digital com validade jurídica garantida pela assinatura digital, emitido pelas empresas de transportes e que contém todas as informações sobre a prestação do serviço de transporte de cargas.

O comprovante eletrônico substitui os documentos fiscais até então emitidos em papel, contribuindo, também, para a preservação ambiental.

Para acompanhar a mercadoria será impresso o DACTE (Documento Auxiliar do CT-e) em via única, que é um documento simplificado, substituindo as inúmeras vias impressas anteriormente.

“A Jamef visa à otimização nos processos Operacional, Comercial, Fiscal, Faturamento e Financeiro, pois a utilização de documentos digitais proporciona maior agilidade no trânsito de informações com clientes, com o Governo, bancos e entre nossos setores internos”, explica Marcos Pereira Campos, gerente de Controladoria da Jamef.

COMMENTS