DHL Express adota solução da NeoGrid para emissão de CT-e em operações internacionais

Ferramenta permite o gerenciamento eletrônico de documentos fiscais e a possibilidade preparo de envios de não-documentos pela importação da nota fiscal eletrônica

Singapore Airlines compra fatia da Virgin Australia
Bombardier expande fábrica da linha Learjet nos EUA
Boeing e Embraer firmam parceria para testar tecnologias no programa ecoDemonstrator

dhl-india

A DHL Express anunciou recentemente que passou a adotar solução da empresa de gerenciamento da cadeia de suprimentos NeoGrid para efetuar a emissão de CT-e (Conhecimento Eletrônico de Transporte) em operações internacionais.

“Fomos a primeira empresa de transportes expressos internacionais do Brasil a adaptar nossos sistemas às novas exigências da Secretaria da Fazenda Nacional para a geração do CT-e Internacional”, comemora o CEO da companhia, Joakim Thrane.

Junto à NeoGrid, a DHL Express desenvolveu uma solução customizada para emitir o CT-e, permitindo o gerenciamento eletrônico de documentos fiscais e a possibilidade de preparar envios de não-documentos pela importação da nota fiscal eletrônica. O volume de informações digitadas manualmente também diminui, reduzindo a possibilidade de erros humanos, além da diminuição no consumo de papel. A ferramenta precisou cinco meses para entrar em operação nas filiais e centros de distribuição da DHL Express.

Segundo o CEO da companhia, a ferramenta trouxe agilidade no tratamento e recuperação de exceções. Um exemplo disso é a possível rejeição de um CT-e pela SEFAZ (Secretaria da Fazenda Nacional), quando esta considera inconsistentes as informações fornecidas pelo cliente. Nesses casos, o sistema permite ao setor de atendimento a clientes identificar rapidamente a questão, fazer contato com o mesmo e obter a informação que a SEFAZ exige. Com os dados corrigidos, o CT-e é reencaminhado rapidamente.

A obrigatoriedade do CT-e já está valendo para os modais ferroviário, dutoviário, aéreo e aquaviário. O CT-e é um documento de existência exclusivamente digital, com validade jurídica, que deverá substituir diversos documentos fiscais relacionados à prestação de serviços de transportes.

COMMENTS