Greve na Volvo termina após acordo de reajustes

Paralisação de 48 horas anunciada na sexta-feira (17) acabou na manhã de hoje após acordo de aumento salarial de 10%, abono de R$ 4,2 mil e acréscimo no vale-alimentação

Indústria mineira de aço compra caminhões Volkswagen
Produção de caminhões recua, mas ainda sobe 12,8% até setembro
Pedágios da BR-101 em SC sofrem reajuste nos preços

Após decretar paralisação de 48 horas na sexta feira (17/9), os metalúrgicos da Volvo aceitaram por volta das 9h30 da manhã de hoje (20/9) as propostas da montadora. Acordo visa aumento salarial de 10% – reajuste real de 5,5% – e abono de R$ 4,2 mil.

De acordo com o SMC (Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba), o fator que acabou resultando na aceitação da proposta foi o acréscimo de 233% do vale-alimentação.

Os metalúrgicos do primeiro turno voltaram ao expediente após assembléia realizada hoje.

COMMENTS