Gerenciadores de riscos debatem a simplificação de processos

Evento realizado em São Paulo pela Gristec reuniu os maiores representantes dos setores de gerenciamento de riscos, rastreamento e segurança patrimonial para debates de grande importância para o mercado de transporte de cargas

DHL realizará operações logísticas da 11ª Volvo Ocean Race
Frente Parlamentar das Ferrovias promove seminário sobre necessidades do setor
22ª Gincana do Caminhoneiro chega a São Luís (MA) para realizar quarta etapa

O gerenciamento de riscos esteve em debate esta semana em São Paulo no evento realizado pela Gristec, o 2º Seminário de Gerenciamento de Riscos, que reuniu representantes das empresas que oferecem produtos e serviços do setor e seus clientes.

Em pauta, as tecnologias utilizadas para minimizar o impacto dos sinistros, como o roubo de cargas, e a padronização de processos para a diminuição de custos. Um dos destaques foi a vontade do segmento de criar um cadastro positivo para os motoristas, modificando o modo atual de verificação do status dos condutores de veículos de cargas.

O caminho para a padronização dos Planos de Gerenciamento de Riscos (PGRs), mesmo que minimamente, também foi um grande destaque do evento, que contou com apresentação do gerente de Riscos e Seguros da DHL no Brasil, Guilherme Brochmann. Neste painel, que contou com a mediação de Cileneu Nunes, diretor da Zatix (da marca Omnilink), o representante da DHL sugeriu um processo para a unificação dos PGRs que seria mediado pela Fundação Getúlio Vargas. “A ideia é eleger alguns parâmetros básicos para os PGRs, aceitos pelo mercado. Hoje, existem inúmeros Planos exigidos pelos embarcadores e os operadores do transporte sofrem com esta montanha de exigências. O caminho é montar um manual básico por meio de uma instituição séria como a Gristec e a FGV”, disse.

COMMENTS