Produção crescerá 48% este ano

De acordo com o empresário Eduardo Souza Ramos, as vendas nos primeiros dez dias de outubro mostram um crescimento de 5% sobre o mesmo período de setembro

CNI alerta empresas para a importância das normas de segurança na cadeia logística
Receita do Portocel sobe apesar da crise
Produção da Marcopolo cai, mas a receita sobe

A Mitsubishi prevê alcançar uma produção de 46 mil veículos este ano, um crescimento de 48% sobre as 31 mil unidades de 2007. De acordo com o empresário Eduardo Souza Ramos, as vendas nos primeiros dez dias de outubro mostram um crescimento de 5% sobre o mesmo período de setembro. “Vamos manter nossa meta para este ano”, afirmou.

“Montamos 165 veículos por dia com índice de 50% de nacionalização”, disse Ramos. A fábrica de Catalão está numa área construída de 100 mil metros quadrados e emprega 2,2 mil funcionários, a maciça maioria local. A MMC se vale de uma rede com 118 revendas no País. Segundo Souza Ramos essa rede é controlada por cerca de 100 grupos.

Operando em um turno, a fábrica está com sua capacidade instalada “toda tomada há um ano, desde junho de 2007”. Como os veículos montados dependem de componentes importados, qualquer aumento de produção no Brasil está comprometido.

O negócio Mitsubishi no Brasil é integralmente controlado pelo empresário Eduardo Souza Ramos. Ele disse que paga licença para uso da marca e não informa qual o prazo de duração da licença.

O mesmo grupo, Souza Ramos passa agora a ter sob seu guarda chuva outra marca japonesa, a Suzuki. O empresário se negou a falar ontem sobre o novo empreendimento, dizendo que não participa da operacionalização. (Ariverson Feltrin e Wagner Oliveira – Gazeta Mercantil)

Link para a matéria

COMMENTS