Controle de tráfego aéreo via IP passa a ser aplicado em operações no Brasil

Serviço, inédito no País, englobará a gama de equipamentos de comunicação Park Air T6 UHF/VHF entre terra e aeronave como um sistema turnkey

Seis aeroportos do Rio passam por fiscalização de segurança e disciplina
KLM Cityhopper negocia seis E190 com a Embraer
TAM anuncia reforço nos serviços para a alta temporada

aviao-decolagem-cumbica

A Northrop Grumman Corporation recebeu aval da Comissão Brasileira de Implantação do CISCEA (Sistema de Controle do Espaço Aéreo) para modernizar os sistemas de comunicação de tráfego aéreo para todo o CINDACTA3 (Terceiro Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo), que compreende a região do espaço aéreo brasileiro.

Conforme conta no contrato assinado, a subsidiária da Northrop Grumman Park Air Systems atualizará o sistema existente para um sistema completo de protocolo de internet (IP), englobando assim a gama de equipamentos de comunicação Park Air T6 UHF/VHF entre terra e aeronave como um sistema turnkey.

Já a subcontratante local ATC Systems será responsável por fornecer trabalhos de infra-estrutura, instalação, treinamento e suporte técnico.

“Oferecer uma cobertura de comunicações baseada em IP para um sistema deste porte e nesta região é um exemplo de como somos capazes de fornecer sistemas de comunicação e gestão de tráfego aéreo complexos para ambientes exigentes”, disse Charles Houseago, diretor-gerente da Northrop Grumman Park Air Systems.

Mais de 1.500 rádios Park Air serão instalados através de 30 locais na região do CINDACTA3 e irão integrar os novos sistemas na infra-estrutura existente do cliente. Quando concluídos, os rádios Park Air irão abranger mais de 50% de toda a cobertura do espaço aéreo do país para comunicações VHF e, como tal, eles são agora um produto padronizado e confiado com o CISCEA.

COMMENTS