Brasileiro já pagou mais de R$ 1,2 trilhão em impostos em 2012

Expectativa é que o contribuinte pague mais de R$ 1,6 trilhão em impostos este ano

Imposto pago no ano renderia R$ 233 por habitante se aplicado na poupança
Arrecadação de impostos chega a R$ 700 bilhões e bate novo recorde
Impostômetro marcará R$ 1,1 trilhão nesta terça-feira (24/9)

O Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) alcançou na última sexta-feira (19), por volta das 3 horas da manhã, a marca de R$ 1,2 trilhão em impostos federais, estaduais e municipais pagos por todos brasileiros desde 1º de janeiro deste ano.

Em 2011 o Impostômetro registrou a marca de R$ 1,2 em 30 de outubro. São 11 dias de diferença nacomparação entre períodos.

O presidente da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) e da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp), Rogério Amato, afirmou que as medidas adotadas pelo governo para desonerar a produção são positivas, mas observa que ainda há muito por fazer.

De acordo com Amato, o volume de taxas e impostos ainda assusta, mesmo com todas as desonerações já concedidas. “Esperamos que o governo atue, sobretudo, na desburocratização, na unificação e na redução de impostos, para que haja uma necessária retomada dos investimentos privados no País”, finaliza.

O Impostômetro da ACSP deve ultrapassar a marca de R$ 1,6 trilhão até o último dia do ano.

COMMENTS