Petrobras termina coleta do óleo derramado na Bacia de Santos

Empresa implementou no local o Plano de Monitoramento Ambiental e tem cinco embarcações de prontidão para a dispersão de possíveis vestígios de óleo no mar

Petrobras faz nova descoberta de óleo bom no pré-sal
Produção acumulada no pré-sal alcança marca de 192 milhões de barris de óleo equivalente
Petrobras anuncia novas atividades no pré-sal da Bacia de Santos

A Petrobras iniciou a implementação do Plano de Monitoramento Ambiental na área de Carioca Nordeste, na Bacia de Santos, onde ocorreu, no dia 31 de janeiro, um derramamento de óleo devido ao rompimento de um duto no navio-plataforma que realizara testes no local.

De acordo com a estatal, o plano de monitoramento segue os procedimentos estabelecidos pelo Ibama e todo o trabalho de coleta de óleo já foi concluído. A empresa tem, em prontidão, cinco embarcações no local para a dispersão mecânica de possíveis vestígios de óleo no mar, com o apoio de um helicóptero.

A petroleira informa que não houve vazamento no poço, que foi fechado automaticamente com a ruptura do duto e a ocorrência não foi no pré-sal, que está a mais de 2.000 metros de profundidade no solo marinho.

COMMENTS