Teste VW Constellation 26.320 Euro 6: tecnologia e conforto a bordo com média de 4.1 km/l

Teste VW Constellation 26.320 Euro 6: tecnologia e conforto a bordo com média de 4.1 km/l

Testamos o caminhão que substitui um dos mais vendidos da Volkswagen. Semipesado tem 320 cavalos de potência com transmissão Traxon

Prosegur apresenta maior caminhão blindado do mundo em feira no Brasil
Anfavea elege novo presidente e nova diretoria
Brasil precisa de R$ 82 bi para encher o tanque

Santo André (SP). A era Euro 6 trouxe diversas mudanças no menu de produtos das montadoras e os novos caminhões da Volkswagen tiveram algumas alterações nos modelos, principalmente na linha de semipesados, um nicho que tem forte participação de seu modelo Constellation chassi rígido 25.280 6×2. Este caminhão apareceu na virada de chave para o Euro 5 em 2012 com um motor que trazia a única alternativa do mercado para quem não queria utilizar o Arla 32. Ele utilizava o sistema EGR para cumprir as normas de emissões, dispensando o agente redutor. À época, este foi um grande argumento de vendas para o caminhão.

E funcionou. O modelo figurou entre os mais vendidos do segmento de semipesados por muitos anos e, agora em 2023, é substituído pelo caminhão 26.320. Basicamente, o motor MAN D08 é o mesmo, mas agora com tecnologia SCR que tem o uso do ARLA 32 como indispensável. A Volkswagen promete, neste novo modelo, uma economia de até 8% em relação à geração anterior. E cumpre. Vamos ver isso na descrição abaixo do teste.

O novo candidato a best-seller

O caminhão Volkswagen Constellation 26.320 é um chassi rígido 6×2 (com opção de transformação de fábrica para 8×2 e inclusão do segundo eixo direcional por ter longarina dupla no chassi) indicado para aplicações rodoviárias e urbanas para cargas industriais e de consumo, mas também com vocação para aplicações mistas. Ele traz o motor MAN D08 de 7 litros e 6 cilindros repotenciado, com os 320 cavalos anunciados acima, e um torque máximo de 1.200 Nm na faixa entre 1.200 e 1.700 rotações por minuto. A grande novidade fica para a versão automatizada, que traz a caixa Traxon da ZF com 12 velocidades. Ele também tem opção para câmbio manual de 9 marchas.

Com a mudança para o Euro 6, a Volkswagen conseguiu aumentar a capacidade técnica total do caminhão em 1.500 quilos, passando para 25.600 quilos, o que justifica a nomenclatura 26.320. No papel, o veículo tem Peso Bruto Total homologado de 23 toneladas e compete de igual para igual com seus pares no segmento de semipesados, o segundo mais disputado do mercado. Uma das diferenças do modelo novo é a suspensão da cabine, de molas, com quatro pontos de apoio, que aumenta significativamente o conforto a bordo. Outra novidade é a inclusão dos sistemas de segurança ativa eletrônica de série: HSA, que é o assistente de partida em rampa, que segura o caminhão por alguns segundos em trechos de inclinação para uma partida segura, disponível tanto nas versões automatizadas quanto nas manuais, com sensor de inclinação instalado na caixa de câmbio; o ABS e EBD, que são os sistemas de antibloqueio de freios (obrigatório por lei) e de controle eletrônico de frenagem (que em breve será obrigatório; e os controles de tração e estabilidade ATC e ESC, que ajudam na estabilidade e na dinâmica do veículo em operação, evitando acidentes por patinação ou perda de controle e tração.

Este caminhão tem como opções as cabines estendida (mais curta), leito teto baixo e leito teto alto, com opção do pacote Prime com mais itens de conforto.

O tanque de diesel continua com 275 litros e o consumo do caminhão permite que ele faça trechos de mais de 1.000 quilômetros de autonomia com um abastecimento. O tanque de ARLA 32, novidade no modelo, tem 60 litros de capacidade.

Teste na rodovia

Nosso teste foi realizado partindo da concessionária Dibracam, em Santo André, no ABC Paulista, com destino a Guararema, em trecho de ida e volta. O trajeto teve um total de 200 quilômetros passando por vias urbanas, pelo Trecho Leste do Rodoanel Mário Covas e pelas rodovias Ayrton Senna e Carvalho Pinto. O caminhão estava carregado com meia carga, cerca de 8 mil quilos de lastro.

A versão testada foi o modelo Constellation 26.320 6×2 com cabine leito teto alto e transmissão automatizada Traxon de 12 marchas.

Ao entrar no caminhão já é possível perceber algumas novidades a bordo: os bancos são novos, parecidos com os premium da linha Meteor, com bom conforto para o motorista e para o segundo ocupante. O volante é o mesmo do Meteor, com botões de controle do sistema multimídia (com bluetooth) e a alavanca de comando da transmissão está instalada no próprio volante. O caminhão tem ar-condicionado que funciona muito bem e uma cama na versão leito com ótimo revestimento e um espaço muito satisfatório para um adulto pernoitar. O banco do passageiro conta com um recuo para que o motorista possa ficar em pé, com uma altura de mais de dois metros, para facilitar a troca de roupas e algumas operações do dia a dia.

O caminhão sai de série com o Rio Box, caixa de transmissão de dados de telemetria e de condução da VWCO, mas já offline ele oferece, no cluster analógico, um display digital que traz notas para o motorista e parâmetros que ajudam na avaliação da condução para o treinamento dos profissionais e para o próprio aprimoramento pessoal de que comanda o caminhão. O display é monocromático, mas a Volkswagen vai lançar, ainda este ano, a versão Prime Tech, com cluster totalmente colorido e digital e uma tela multimídia de 7 polegadas opcionais.

O início da viagem se deu em trecho urbano, com trânsito carregado, o que permitiu sentir o trabalho da caixa Traxon no anda e pára do cotidiano das operações na cidade. As trocas são praticamente imperceptíveis e o motorista especialista Alexandre Luciano explicou como isso faz diferença no dia a dia: “O caminhão com esta caixa, aliada à suspensão de quatro pontos do novo Constellation, traz um conforto muito importante para o motorista. Conforto e confiança, pois temos opções para fazer a manobra com um modo suavizado da embreagem, na primeira marcha e na ré, que permite uma condução bem precisa em espaços reduzidos. Além disso, a caixa automatizada Traxon traz um nível de ruído bem baixo e trocas suaves, que contam muito no fim do dia. O caminhão tem piloto automático (cruise control), mas utilizamos o modo sem este recurso durante o teste do Transporta Brasil”, relatou o condutor.

Ao ganhar a rodovia, o caminhão mostra uma boa evolução da velocidade, mesmo dentro da faixa econômica de giro, e agilidade nas trocas de marchas, reduzindo rapidamente nas desacelerações. O veículo tem freio motor combinado de borboleta e compressão de cabeçote, que evita o uso excessivo dos freios de serviço. Eles são muito úteis nas variações de tráfego do Rodoanel, que tem trânsito um pouco imprevisível.

Mesmo carregado, o caminhão “joga” muito pouco de lado e percebe-se a atuação do controle de estabilidade a cada momento em que são feitas conversões ou trocas de faixa e o ruído a bordo é baixo, não passando dos 80 decibéis a todo momento durante o teste. O repórter usou o banco de passageiro, que é bem ergonômico e tem conforto para horas de acomodação. Todo o teste durou cerca de seis horas, com uma parada rápida, sem cansar.

O veredicto

O trecho do teste teve um trajeto de cerca de 200 quilômetros que foram vencidos com uma média de consumo de 4,1 quilômetros por litro: uma média respeitável que cumpre com a promessa de motores e trens de força mais econômicos na era Euro 6.

Apesar de ter uma cabine com mais de 15 anos de mercado, o Constellation conseguiu envelhecer bem e ganhou um visual mais moderno com a nova identidade visual, com a assinatura da família abaixo do parabrisa e novos faróis de LED com DRL em forma de aro: um charme para quem visualiza.

O VW Constellation 26.320 6×2 é um caminhão bem equilibrado, que traz benefícios para o operador e um consumo médio bom. Suas tecnologias embarcadas são eficientes e a experiência a bordo é confortável, proporcionando uma viagem tranquila e segura. Recomendamos!

Leo Doca – Agência Transporta Brasil (ATB)
leodoca@transportabrasil.com.br

Clique aqui para assistir a vídeos sobre transporte todos os dias na TV Transporta Brasil

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS