Mercedes-Benz domina mais da metade do mercado de ônibus no Brasil

Mercedes-Benz domina mais da metade do mercado de ônibus no Brasil

Com os resultados do primeiro semestre, fabricante celebra liderança nos micro-ônibus pela primeira vez e domina 50,1% do mercado brasileiro

Volare exporta 445 veículos em 2016
Plantão Covid-19 – episódio 24 – Os ônibus e a nova realidade, com Antonio Ferro
Marcopolo fornece nove ônibus para companhia da Costa do Marfim

O segmento de transporte de passageiros foi um dos que mais sofreram os impactos da pandemia de Covid-19, com forte queda na demanda, dificuldades financeiras por parte das empresas operadoras e forte decréscimo na produção nacional de ônibus. Mas o pior já passou.

Com o início da retomada, o transporte de passageiros experimenta um aquecimento na demanda e apresenta novos cenários para os fabricantes brasileiros. A Mercedes-Benz fechou o primeiro semestre de 2022 com números animadores e apresentou recentemente à imprensa.

Segundo a fabricante paulista, sua participação em todo o mercado nacional de ônibus foi de 50,1%, um crescimento de 27% em comparação com o ano passado. A Mercedes-Benz domina o segmento de ônibus rodoviários com 75% de share e também o de urbanos, com 72%.

No setor de fretamentos, a marca alemã tem 43,5% de participação e contabilizou 30,6% de share entre os ônibus escolares. A surpresa ficou para a liderança de mercado na categoria micro-ônibus.

“É a primeira vez que lideramos o segmento de micro-ônibus e isso aconteceu graças ao foco que nós tivemos em conjunto com a rede de concessionários, em um trabalho específico dedicado ao varejo, com inteligência de mercado. Contamos com a participação da Volare, que também contribuiu para que alcançássemos esta performance nos micros”, disse Walter Barbosa, diretor de Vendas e Marketing Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil.

Para Barbosa, o ano de 2022 será um ano de virada e muitas oportunidades aparecerão. Ele acredita que, com a vacinação em massa da população e a retomada das atividades, a demanda por

Walter Barbosa, diretor de Vendas e Marketing Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil

ônibus no pós-pandemia não chegará aos 100%, mas a pelo menos 90% do que era antes do coronavirus. “Em 2022 teremos o maior volume do Caminho da Escola dos últimos tempos. Até agora o governo já comprou mais de 10 mil ônibus, desde o final do ano passado, mas eles precisam ser entregues até o final de 2022, porque têm motorização Euro 5”, conclui o diretor.

Leo Doca – Agência Transporta Brasil (ATB)
leodoca@transportabrasil.com.br

Clique aqui para assistir a vídeos sobre transporte todos os dias na TV Transporta Brasil

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS