Iveco mostra seu primeiro caminhão a gás brasileiro

Iveco mostra seu primeiro caminhão a gás brasileiro

Modelo extrapesado Hi-Way com motor Cursor de 13 litros movido a gás natural veicular e biometano fez sua primeira aparição em público

Linha de peças Nexpro da Iveco ganha expansão e celebra seis anos no mercado
ZF apresenta transmissão automática ZF PowerLine para veículos comerciais
TruckPad Pay conquista o título de melhor app de pagamento de 2020

A Iveco está cada vez mais perto de anunciar suas iniciativas no Brasil com veículos movidos a gás natural veicular (GNV) e biometano. Este nicho vem sendo bem explorado pela Scania, que oferece, desde 2019, os caminhões pesados movidos a gás ao mercado brasileiro.

Em países como a Argentina e o Chile, a Iveco já tem clientes que compraram seus caminhões a gás, mas o Brasil ainda aguarda o amadurecimento do projeto para que os novos veículos movidos a energia alternativa sejam realidade por aqui.

Em regra, os caminhões pesados movidos a gás têm motor diferente do diesel. São motores ciclo Otto que oferecem desempenho e potência muito similares aos movidos a diesel. Além disso, os caminhões a gás são até 20% mais silenciosos e, se utilizarem biometano, podem oferecer até 90% de redução nas emissões de gases poluentes.

Nesta semana, a Iveco participou de um evento do governo federal em Brasília para a assinatura do decreto do Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infraestrutura (REIDI) para o biometano e do lançamento do Programa de Redução de Metano.

No evento, a Iveco mostrou seu caminhão a gás brasileiro pela primeira vez. É um cavalo mecânico extrapesado premium modelo Hi-Way, o top de linha da marca. Ele é equipado com o motor FPT Cursor de 13 litros ciclo Otto, projetado para trabalhar com o gás.

Projeto adiantado

“A Iveco caminha a passos largos para se tornar uma marca com um portfólio ainda mais verde e que acredita que o biometano ser tornará uma opção de combustível cada vez mais viável aos transportadores, dado ao grande potencial de produção desse tipo de gás no Brasil. Na Europa, somos líderes nesse segmento e, agora, chegou a vez de implementarmos essa tecnologia da Iveco também no Brasil”, disse Márcio Querichelli, presidente da Iveco para a América Latina.

De acordo com Bernardo Brandão, diretor de Marketing e Portfólio de Produtos da Iveco para a América Latina, o projeto de caminhões a gás começa agora no segundo trimestre no Brasil com a operação assistida em clientes-chave. “Com isso, vamos consolidar o desenvolvimento do nosso produto movido a biometano e gás natural, criado especificamente para atender às principais missões de transporte de cargas realizadas no País”, diz o executivo. Ele acredita que este é um passo importante para o programa Brasil Natural Power da Iveco, que conta com diversos parceiros estratégicos para desenvolver o gás natural e o biometano como combustíveis operacionalmente competitivos para o transportador brasileiro.

Leo Doca – Agência Transporta Brasil (ATB)
leodoca@transportabrasil.com.br

Clique aqui para assistir a vídeos sobre transporte todos os dias na TV Transporta Brasil

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS