Scania já fabricou quase 30 mil caminhões da nova geração no Brasil

Scania já fabricou quase 30 mil caminhões da nova geração no Brasil

Dois anos após o lançamento dos novos caminhões, a Scania continua criando novos serviços a partir de suas tecnologias conectadas

Nova Geração Scania mostra a que veio
Ambev anuncia parceria com a FNM para mais mil caminhões elétricos
Antos “enxerga” seu entorno para entregar cerveja na Alemanha

A Scania completa, no começo de julho, 64 anos de sua fundação no Brasil. Ao longo de toda essa jornada, a empresa lançou no Brasil uma série de famílias e gerações de caminhão, sempre acompanhando o que o transporte brasileiro dita como tendência ou necessidade.

Hoje, nos tempos do transporte digital e do extremo cuidado com cada milímetro de economia e rentabilidade, a empresa celebra dois anos de lançamento de sua nova geração de caminhões, que já conta com mais de 25 mil unidades vendidas e rodando, uma frota que já acumulou mais de 2,7 bilhões de quilômetros percorridos.

“É um grande orgulho ver os números que estamos registrando com a Nova Geração, fruto do maior investimento já feito pela Scania globalmente e nacionalmente. Mais do que isso é ver o reconhecimento do cliente, pois acreditamos no potencial que oferecemos e começamos a colher os frutos. Nesse período, ainda chegaram novas tecnologias, que trouxeram muitos benefícios aos clientes”, afirma Silvio Munhoz, diretor de Vendas de Soluções da Scania no Brasil. “E, principalmente, fizemos promessas importantes no lançamento, que os clientes seguem comprovando na prática a cada dia. Quem compra esta solução transforma sua gestão operacional e o jeito de contabilizar rentabilidade e disponibilidade. Sobe a outro patamar no mercado.”

Novidades conectadas

A nova geração de caminhões soma uma série de tecnologias e sistemas que, juntos, prometem uma economia de até 20% no consumo de combustível. Para marcar o momento e promover ainda mais rentabilidade para quem transporta o Brasil, a Scania, acaba de lançar o Programa de Manutenção Scania Premium Flexível Uptime. Ele traz o serviço Control Tower, que promete reduzir em até 30% o tempo de parada nas concessionárias, e a modalidade Pay per Use com cobertura customizável (pague o que usar). Até o final de julho, todos os clientes do PMS Premium Flexível terão a adição da Control Tower sem custo adicional.

“A equipe brasileira prova de novo sua competência e visão de futuro dentro da Scania, após a inovação com a manutenção flexível cobrada pela faixa de economia de diesel. Queremos sempre antecipar tendências e trazer o que o cliente vai precisar para manter sua logística rentável. Desta vez, o divisor de águas foi aumentar como nunca a disponibilidade da frota”, afirma Marcelo Montanha, diretor de Serviços da Scania no Brasil. “Há muitas promessas no mercado, mas é a Scania quem avança perante a concorrência comprovando o quanto de real disponibilidade passará a proporcionar à gestão do cliente. São até 30% de redução comprovada da permanência nas oficinas, ou seja, mais horas para o caminhão faturar. Isso significa que, além de reduzir os custos, apoiará o aumento da receita da operação do transportador. A conectividade e a evolução das soluções de serviços que temos disponibilizado desde 2017, continua sendo a base de tudo.”

O cliente paga apenas pela quilometragem rodada (se não rodou, não paga) e, pode reduzir ainda mais o custo por quilômetro se reduzir o consumo de combustivel. Consumiu menos, paga menos. A análise é feita por meio de uma tabela estimada de preço por km por faixa de consumo. “Fomos os primeiros a criar este modelo de sucesso, e, agora, melhoramos o que já era bom”, relembra Montanha.

A Control Tower atua na gestão ativa da eficiência do fluxo das oficinas e dos processos de manutenção da rede Scania para que o veículo retorne à operação o mais rápido possível garantindo até 30% de redução no tempo de parada. Em razão disso, além do veículo com PMS Flexível já parar menos para manutenções, as paradas também serão ainda mais rápidas.

“Essa rapidez se traduziu em horas adicionais que os veículos puderam rodar e ganhar mais capacidade de geração de frete, favorecendo um aumento da receita das transportadoras e mais flexibilidade no planejamento e alocação da frota. Saber a disponibilidade mecânica esperada ao longo de toda a vida útil do produto é necessidade do cliente, com isso é possível fazer uma gestão completa e eficiente do negócio”, conta Gustavo Andrade, gerente do Portfólio de Serviços da Scania no Brasil. “Por isso, a Control Tower se tornará essencial para o transportador manter sua logística rentável. É redução de custo e aumento de receita garantidos, e de forma gratuita para quem já é premium flexível e aos futuros novos interessados”, salienta o gerente.

Leo Doca – Agência Transporta Brasil (ATB)
leodoca@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS