DHL vai investir 7 bilhões de euros para eletrificar 60% de sua frota até 2030

DHL vai investir 7 bilhões de euros para eletrificar 60% de sua frota até 2030

Empresa quer ter 80 mil veículos elétricos para as entregas em domicílio até 2030. Meta é descarbonizar operação e reduzir a pegada ambiental

Caminhões velhos: Brasil tem frota com idade média de quase 15 anos
Plantão Covid-19 – episódio 12 – Apoio aos caminhoneiros: aplicativo S.O.S. Truck
Transportadora gaúcha celebra 50 anos e restaura raridade da Scania

A DHL está investindo pesadamente na descarbonização de sua logística. De acordo com a empresa, serão investidos 7 bilhões de euros até 2030 para chegar a um número de 80 mil veículos elétricos em sua frota de entregas porta a porta, o que representa 60% de toda a frota.

Segundo a empresa, o investimento bilionário será destinado, em especial, para combustíveis alternativos para a aviação, para a expansão da frota de veículos elétricos zero emissão e para prédios neutros, do ponto de vista climático.

Meta ousada

A grande meta do Grupo DHL é zerar suas emissões e poluentes até o ano de 2050. O plano já está em vigor há quatro anos. “Como a maior empresa de logística do mundo, é nossa responsabilidade liderar o caminho e levar a indústria de logística a um futuro sustentável. Estamos transformando nosso Grupo, representado pela cor amarela, em uma empresa verde e fazendo uma contribuição importante para o planeta e a sociedade”, disse Frank Appel, CEO do Deutsche Post DHL Group. “Estou convencido de que, ao nos concentrarmos ainda mais em nossos objetivos de ESG, continuaremos a ser a primeira escolha dos clientes, dos colaboradores e dos investidores, e, assim, lançaremos as bases para o sucesso econômico de longo prazo”.

Leo Doca – Agência Transporta Brasil (ATB)
leodoca@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS