Consórcio Magalu permite a compra de caminhão com até 20 anos de uso

Consórcio Magalu permite a compra de caminhão com até 20 anos de uso

Opção pode ajudar caminhoneiros autônomos a comprar um caminhão mais novo. Planos do Magazine Luiza vão até 150 meses e permitem cartas de crédito com valor até R$ 350.000,00

MAN Latin America desenvolve cavalo mecânico mais leve do País
Veículos de produtos perigosos necessitam passar por aferição do cronotacógrafo até 31 de agosto
Conheça os vencedores do Prêmio Top of Mind do Transporte 2016

O Magazine Luiza, tradicional gigante do varejo, agora batizado de Magalu, está com uma forte estratégia de reinvenção de seus negócios, principalmente depois da crise do vírus. A empresa lançou planos de consórcio e quer os caminhoneiros como seus clientes.

O Consórcio Magalu oferece carta de crédito de até R$ 350.000,00 com prazos de até 150 meses para o planejamento da compra do caminhão. Segundo Hélio Deperon, representante Comercial do Consórcio Magalu na Região de Assis (SP), os grandes atrativos dos planos da empresa são o prazo, a confiabilidade da marca e o grande diferencial das regras de compra do caminhão.

“Queremos ser uma ferramenta para ajudar o caminhoneiro e o transportador brasileiro a comprar um caminhão mais novo, a ir gradualmente renovando sua frota. Por isso temos um grande diferencial. Somos o ÚNICO consórcio de caminhões do Brasil quer permite a compra de um veículo com até 20 anos de uso. Isso vai ajudar o comprador a planejar sua renovação de frota e democratizar o acesso a um caminhão mais novo”, explica Deperon em entrevista exclusiva ao Portal Transporta Brasil

Contemplações

Segundo o representante do Consórcio Magalu, o sistema funciona com a carta de crédito, que pode ser contemplada por sorteios ou lances. “Com a carta de crédito contemplada em mãos, o cliente pode comprar o caminhão à vista, o que aumenta seu poder de barganha na negociação. Além disso, ele pode dar seu caminhão usado como lance ou mesmo utilizar até 25% da carta de crédito para usar como lance embutido”, diz Hélio. Os lances são livres e o sorteio acontece por meio dos números da Loteria Federal, ao final de todo mês.

De acordo com o Consórcio Magalu, a taxa de administração pode variar de 14% a 16%, dependendo do plano escolhido. Além disso, o consórcio tem fundo de reserva de 1%. “Isso acontece porque o custo das negociações pode ir para a taxa de administração, uma vez que oferecemos planos lineares, com mensalidade reduzida ou com meia parcela. Tudo para dar uma força para o caminhoneiro ou transportador nesses tempos difíceis”, conclui Deperon. O Consórcio Magalu permite a compra, além de caminhões, de tratores, implementos rodoviários e agrícolas, empilhadeiras e outros equipamentos. Consulte as regras e, para saber mais, clique no link abaixo e entre em contato com o representante comercial:

https://materiais.consorciomagalu.com.br/linkorigem?utm_source=gn_heliocesar%40consorcioluiza.com.br&utm_medium=referral&utm_campaign=linkorigem&utm_content=referral

Leo Doca – Agência Transporta Brasil (ATB)
leodoca@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS