Empresas querem caminhões a gás em suas operações

Empresas querem caminhões a gás em suas operações

Feitos no Brasil, os pesados movidos a gás da Scania fazem história e marcam sua estreia nas operações de duas empresas que atendem clientes preocupados com as novas matrizes energéticas

Eixo Meritor para até 125 toneladas equipa novos Constellation pesadões
Volvo VERA entra em operação
MB versus VW já é tradição nos caminhões

A Scania fez história nesta semana. Mesmo em tempos de funcionamento parcial da economia e tomando todos os cuidados por causa da pandemia de Coronavírus, a fabricante brasileira entregou os quatro primeiros caminhões movidos a gás natural veicular a serem feitos por aqui.

E são os quatro primeiros de muitos, porque empresas como a cosmética L’Oréal, a alimentícia Nespresso e a fabricante de bebidas Ambev estão apostando na compra de veículos que fogem da matriz energética fóssil e priorizam outras alternativas.

Duas unidades do Scania R410 6×2 movido a gás foram entregues para transportadora RN Express e mais duas para a Jomed LOG, onde os caminhões vão transportar os produtos da L’Oréal e foram negociados por meio da Casa Scania Codema, de Guarulhos (SP), que também ficará a cargo da manutenção dos veícuos.

“Este momento é de grande alegria para a Scania no Brasil e no mundo. Celebrar a entrega dos primeiros caminhões a gás comprova que estamos no caminho certo liderando a mudança para um sistema de transporte mais sustentável”, afirma Silvio Munhoz, diretor comercial da Scania no Brasil. “A Scania, a RN Express e a Jomed LOG entram juntas para a história comprovando que estão, de fato, contribuindo para a redução das emissões de CO2 no planeta. Temos certeza que estas duas transportadoras e seus embarcadores servirão de modelos para outras empresas.”

Frota 100% alternativa

“Temos uma frota estimada de cerca de 1000 caminhões, que são terceirizados, por mês. Hoje temos diversos modelos de contratação de transporte e no modelo de operação dedicada estamos implementando o serviço com estes novos caminhões a gás. Na rota Rio-São Paulo, que é nossa rota principal, onde movimentamos cerca de 30% de nossa produção, nós temos atualmente 15 caminhões dedicados e agora, com mais quatro a gás. O nosso objetivo é ter 100% da operação com veículos a gás, em um prazo de até cinco anos”, disse Renan Loureiro, gerente Nacional de Transportes na L’Oréal.

Estrela da Fenatran

A RN Express foi a transportadora que comprou o primeiro caminhão movido a gás natural veicular (GNV) e/ou biometano do Brasil, na Fenatran, em outubro de 2019. Os dois R 410 serão usados na rota São Paulo-Rio de Janeiro para o transporte de produtos da francesa L’Oréal. A empresa ainda atende os clientes Nespresso, Samsung, HP, Nestlé, Starbucks e outros. Da mesma forma, a Jomed LOG comprou seus dois modelos no Salão Internacional do Transporte, e que vão transferir cargas para a L’Oréal em rota similar.

Novos costumes na oficina

A rede de concessionárias Scania está sendo preparada para dar todo o apoio aos caminhões a gás. Não são necessárias grandes mudanças nas Casas para receber os veículos mais sustentáveis. Dentre os itens obrigatórios estão boxes, ferramentas e check-list especiais, que serão implementados ao longo dos próximos meses.

Exclusivamente rodoviários

Os novos caminhões pesados Scania movidos a gás natural veicular (GNV) e/ou biometano são indicados exclusivamente para aplicações rodoviárias. Segunda fabricante, os motores não são convertidos do diesel para o gás, têm garantia de fábrica e tecnologia confiável, com desempenho consistente e força semelhante ao caminhão a diesel. Além de serem 20% mais silenciosos.

Continue acompanhando as notícias do transporte e da indústria aqui na Agência Transporta Brasil! Assista às nossas transmissões ao vivo, de segunda a sexta, em dois horários: 15h30 e 18h30 (horário de Brasília).

Clique aqui para conhecer nosso conteúdo no Facebook

Leo Doca – Agência Transporta Brasil (ATB)
leodoca@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS