Consórcios contemplados viram liquidez com nova regra do Banco Central

Consórcios contemplados viram liquidez com nova regra do Banco Central

Conversamos com o diretor Comercial do Consórcio Scania para saber quais serão os benefícios a nova portaria do Banco Central que autoriza a liberação de créditos imediata para cotas contempladas e quitadas

Cummins estreia pacote de soluções integradas com novo motor X13
Hermanos nos céus brasileiros
Suzantur recebe novos chassis Iveco Bus

Quem usa o sistema de consórcio para planejar sua frota teve uma boa notícia esta semana. O Banco Central autorizou as operadoras de consórcios a pagar imediatamente os créditos de cotas contempladas e quitadas, o que se traduz em dinheiro na mão do transportador nesses tempos de crise.

Antes, o prazo para a liberação do dinheiro era de 180 dias. Agora, com a autorização da liberação imediata, a circular 4.009 do Bacen, que vale para todas as cotas contempladas e para as que ainda serão contempladas até o fim de 2020, permite que quem escolheu o consórcio colha os frutos desta escolha e tenha liquidez neste momento de crise.

Consórcio Scania tem R$ 237 milhões

Rodrigo Clemente, diretor Comercial do Consórcio Scania

Na Scania, que tem o maior consórcio entre os fabricantes de caminhões brasileiros, com mais de 29 mil cotas ativas e uma carteira que soma R$ 8 bilhões em ativos, a notícia vem como um bálsamo para aqueles clientes que optaram por esta modalidade.

Entre os clientes do consórcio da marca, existem R$ 237 milhões em cotas contempladas ou quitadas que poderão ser agora utilizados pelos cotistas. “O crédito contemplado é um mecanismo para o empresário remunerar seu capital. É um dinheiro que rende para o transportador e ainda permite que ele faça o planejamento de sua frota. Com a nova regra do Banco Central, o cliente do Consórcio Scania tem uma segurança a mais para ter seu capital garantido em um momento de crise. É uma ótima notícia, tanto para o transportador grande para as pequenas empresas e os caminhoneiros autônomos”, diz Rodrigo Clemente, diretor Comercial do Consórcio Scania.

Segundo as regras para os consórcios no Brasil, o contemplado pode fazer uso do dinheiro da carta de crédito em qualquer área da empresa, como capital de giro, por exemplo, mas, em regra, o transportador acaba mesmo investindo na compra do caminhão novo ou usado. “Cerca de 7% de todos os caminhões novos fabricados pela Scania são comercializados por nosso sistema de consórcio e nosso crédito médio, que é de R$ 500 mil, é o maior do mercado, que tem média de R$ 170 mil. Isso mostra o quanto o cliente Scania confia no consórcio e usa este tipo de operação para planejar seu crescimento”, diz Clemente, em entrevista exclusiva à Agência Transporta Brasil.

De acordo com a circular do Bacen, a regra para o repasse imediato dos crédito das cotas vale para todas as que já estejam contempladas e também para as que serão contempladas em 2020. Segundo o executivo do Consórcio Scania, a opção pela modalidade vem para ser alternativa a outros investimentos, que tiveram perdas nos últimos ano. “O consórcio é um investimento no próprio negócio. Quem tem dinheiro em consórcio passou longe dos sobressaltos do mercado e, agora com esta medida do Banco Central, ele faz a diferença para os nossos clientes.

Usando os créditos

Para fazer bom uso deste dinheiro, o transportador pode optar pelas condições especiais da Rede Scania para a compra de caminhões, chassis de ônibus, motores, peças e serviços. “Nossas equipes estão a postos para atender os clientes e tirar as dúvidas necessárias. Estamos trabalhando em home-office, atentos às necessidades do mercado, que tenta se ajustar durante o período da pandemia. A receptividade está sendo ótima e já estamos até fazendo novos contatos para a venda de cotas novas de consórcio”, explica Rodrigo Clemente.

Só não dá para viajar por enquanto

Tradicionalmente, o Consórcio Scania oferece viagens internacionais a seus clientes contemplados e, ao longo de sua história, já levou mais de 60 mil pessoas para o exterior, como forma de celebrar a compra e incentivar o uso da modalidade para a aquisição de veículos. “As viagens estão suspensas devido à pandemia, mas, em breve, serão retomadas. Nossa tradição da família do Consórcio Scania continua. Ter um plano de consórcio de fábrica, atrelado à marca do fabricante, ajuda muito na empatia com os clientes e nas vendas. Por isso temos uma família de clientes tão grande”, finaliza o executivo do consórcio.

Continue acompanhando as notícias do transporte e da indústria aqui na Agência Transporta Brasil! Assista às nossas transmissões ao vivo, de segunda a sexta, em dois horários: 15h30 e 18h30 (horário de Brasília).

Clique aqui para conhecer nosso conteúdo no Facebook

Leo Doca – Agência Transporta Brasil (ATB)
leodoca@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS