Scania vende primeiro caminhão 100% movido a GNV da Fenatran

Scania vende primeiro caminhão 100% movido a GNV da Fenatran

Modelo R 410 adquirido pela RN Logística fará a rota São Paulo-Rio de Janeiro. Objetivo das empresas é a transição para um sistema de transporte mais sustentável

Marcopolo entrega Torinos capixabas ao Espírito Santo
Grupo Delta atesta sucesso do Delta Fleet na Fenatran
Iveco já fabricou mil novas Daily no Brasil

A Scania vendeu nesta terça, dia 15 de outubro, o primeiro caminhão movido a Gás Natural Veícular (GNV) ou biometano da Fenatran 2019 – 22º Salão Internacional do Transporte Rodoviário de Carga. O modelo R 410 foi adquirido pela RN Logítica, de São Paulo, e será usado na rota São Paulo-Rio de Janeiro para o transporte de produtos da francesa L’oreal. A redução de emissões de CO2 pode chegar a até 15% em comparação a similares a diesel, se abastecido com GNV, e até 90% se o combustível for o biometano.

“Os veículos movidos a combustíveis alternativos, como o gás, desempenharão um papel fundamental na mudança para um sistema de transporte mais sustentável. A Scania lidera esta transformação e está empenhada em apoiar seus clientes com soluções rentáveis que contribuam com a sustentabilidade nos âmbitos econômico, ambiental e social”, diz Roberto Barral, vice-presidente das Operações Comerciais da Scania no Brasil.

“A RN Logística tem um apelo muito forte na questão ambiental. É um caminho sem volta, todos vão precisar migrar para soluções mais sustentávels e, como a Scania, nós apostamos nisso. Temos a estimativa de alcançar cerca de 30% em economia com combustível e ainda contribuir com a redução das emissões de CO2. Nossa parceria com a Scania é recente, mas só vem aumentando e podemos falar em novos negócios nos próximos dias”, diz Rodrigo Navarro, diretor comercial da RN Logística, que tem entre seus clientes, além da L’oreal, Samsung, HP, Nestlé, Starbucks e outros. O caminhão vai continuar exposto na Fenatran, que vai até o dia 18 no São Paulo Expo, em São Paulo.

Os inéditos caminhões pesados Scania, movidos a gás natural veiculas (GNV) ou gás natural liquefeito (GNL), têm 410 cavalos de potência e são vocacionados para médias e longas distâncias. As configurações de tração 6×2 são as ideiais para atuar no transporte de cargas. Seus motores são Ciclo Otto (o mesmo conceito dos automóveis) e 100% a gás (natural ou liquefeito – só diferentes um na forma gasosa e outro na líquida) e biometano, ou mistura de ambos. Os motores não são convertidos do diesel para o gás, eles têm garantia de fábrica e tecnologia confiável, com desempenho consistente e força semelhante ao caminhão a diesel. Além de serem 20% mais silenciosos.

Agência Transporta Brasil na Fenatran 2019
agencia@transportabrasil.com.br

+ Saiba tudo do mundo do transporte rodoviário. Curta nossa página no Facebook!
Agência Transporta Brasil – ATB

COMMENTS